Pink Floyd só existiu por causa de um carro? Nick Mason explica

Em entrevista a Brian Johnson, o baterista falou sobre a origem do grupo lendária, e um detalhe importante que juntou os integrantes

Redação Publicado em 25/10/2019, às 16h07

None
Nick Mason (Foto: CTK/AP Images)

Nick Mason, do Pink Floyd, foi o convidado do novo episódio de Life On The Road, programa comandado por Brian Johnson, ex-vocalista do AC/DC. E durante a conversa que os dois tiveram, o baterista revisitou um momento crucial para a formação da banda lendário de rock progressivo.

Ele relembrou que "Regent Street Polytechnic foi onde conheci Roger Waters e Rick Wright. Estávamos todos estudando para ser arquitetos." E em seguida revelou um detalhe peculiar que, de certo modo, foi responsável por unir o grupo.

+++Roger Waters se junta a Nick Mason em quase reunião do Pink Floyd no palco

"Nós meio que nos conhecemos porque Roger sabia que eu tinha um carro — mas não acho que ele sabia qual era o carro, porque na verdade era um Austin 7 Chummy com uma velocidade máxima de 5 km/h e sem freios!".

Mason acrescentou também: "Quando ele perguntou se poderia emprestá-lo, eu disse: ‘Não’, mas ele também tentou pegar um cigarro de Rick e, famosamente, Rick disse: ‘Não’, o que definiu o padrão nos 50 anos seguintes."

"Foi um momento importante porque, se não fosse por isso, talvez não estivéssemos sentados aqui agora", finalizou, em uma menção à entrevista.