Rapper Pitbull fala sobre ter sido processado por Lindsay Lohan

Atriz entrou na justiça norte-americana contra o rapper por conta de versos de "Give Me Everything", que citam o nome dela

Matthew Perpetua Publicado em 25/08/2011, às 18h21 - Atualizado às 21h50

Pitbull
AP

O rapper Pitbull respondeu a um processo da atriz Lindsay Lohan, que afirma que o músico a ofendeu na canção “Give Me Everything”. Em um anúncio no seu site oficial, o rapper de Miami diz que a frase em questão – “Tranquei feito a Lindsay Lohan” – não era pra ser levada tão a sério.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

“Quando eu menciono Lindsay Lohan na gravação é na verdade uma mensagem positiva”, escreveu o rapper. “Quando eu digo a expressão ‘locked it up’ [‘tranquei’, em livre tradução], quer dizer que se você é de uma vizinhança, quando dizem isso significa que você manda no pedaço.”

“Eu fiquei muito surpreso quando soube do processo”, afirmou Pitbull. “Para mim foi bem irônico, para ser honesto com você. De primeira, eu li e pensei: ‘Só pode ser brincadeira’. [Mas] descobri que é algo bem real.” Os advogados de Lohan afirmam que os versos de Pitbull causaram a ela um “mal irreparável”. O rapper insiste que não quis danificar a carreira da artista, e convidou Lohan para cantar “Give Me Everything” com ele no palco do MTV Video Music Awards, no próximo domingo, 28, quando ele se apresenta com Ne-Yo.