Polêmico documentário sobre Joaquin Phoenix será lançado em setembro

I'm Still Here: The Lost Year of Joaquin Phoenix chocou o público do festival de Cannes, em 2009, ao mostrar cenas pesadas envolvendo o ator

Da redação Publicado em 26/07/2010, às 12h32

Em 2008, Joaquin Phoenix anunciou sua aposentadoria do cinema
AP

A distribuidora independente Magnolia Pictures anunciou nesta quarta-feira, 14, que vai lançar o documentário I'm Still Here: The Lost Year of Joaquin Phoenix em 10 de setembro, segundo informou o site da revista Entertainment Weekly.

O filme dirigido por Casey Affleck, que aparentava ser uma espécie de Borat, chocou a todos no festival de Cannes deste ano, já que mostrava imagens de Joaquin Phoenix cheirando cocaína, ligando para prostitutas, ameaçando seus assistentes e cantando (muito mal) rap. No ano anterior, 2008, o ator anunciou sua aposentadoria das telonas para se dedicar à carreira de rapper e, desde então, adotou uma atitude fora do comum, colocando em dúvida sua sanidade.

Em comunicado à imprensa internacional, a companhia descreveu o filme da seguinte maneira: "Às vezes engraçado, às vezes chocante, e sempre fascinante, o filme é o retrato de um artista em uma encruzilhada. Desafiando as expectativas, o documentário explora as noções de coragem e reinvenção da criatividade, assim como as ramificações de uma vida aberta ao público."