Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Policial que testemunhou em favor de Chris Brown pede demissão

Bryan Norwood assinou os papeis que atestavam que o cantor havia cumprido a pena de serviços comunitários a que foi submetido depois de agredir Rihanna

Redação Publicado em 13/02/2013, às 15h17 - Atualizado às 15h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Chris Brown - AP
Chris Brown - AP

A promotoria de Los Angeles questionou a documentação entregue por Chris Brown como prova do cumprimento de sua pena de serviços comunitários pela agressão a Rihanna em 2009, e o policial responsável por testemunhar em favor do cantor acaba de se demitir, segundo noticiou o site TMZ.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Bryan Norwood foi quem assinou os papeis atestando que Brown cumpriu 202 dias de trabalho no estado de Virginia, 22 a mais do que a pena previa inicialmente. A promotoria, no entanto, indicou que o policial fiscalizou apenas nove ou dez ocasiões.

Norwood foi substituído por Ray J. Tarasovic, que deixou a aposentadoria para voltar ao cargo. Já Chris Brown terá que de alguma outra forma provar que cumpriu a pena, senão a sua condicional poderá ser considerada violada.