Por que Black Ice bateu Chinese Democracy

Ambos esperados por anos, disco do AC/DC vende feito pão quente, enquanto a obra do Guns n’ Roses está empacada

Da redação Publicado em 27/12/2008, às 19h44

Dois álbuns aguardados por anos chegaram às lojas em 2008: Black Ice, do AC/DC, e o lendário Chinese Democracy, do Guns N Roses. Segundo a Rolling Stone EUA, o primeiro está vendendo feito pão quente; o segundo é um grande flop para a indústria musical.

Nos Estados Unidos, cada uma das gravadoras fechou acordo de exclusividade de vendas com uma rede de lojas: o AC/DC ficou com os supermercados Wal-Mart, enquando o Guns foi para a rede de vendas de eletrônicos Best Buy. Segundo o Wall Street Journal, o Wal-Mart montou, em suas lojas, quiosques que venderam camisetas e outros produtos da banda, além dos milhões de exemplares de Black Ice. Já a rede Best Buy, reporta o jornal, se limitou a exibir totens de papelão do novo disco do Guns N' Roses.

Outros motivos levantados pela reportagem para a disparidade de vendas entre os dois álbuns são a ausência de Axl Rose e companhia nos palcos e na mídia, enquanto Angus Young pilotou uma turnê e falou com a imprensa.