Pulse

Por que "Bohemian Rhapsody" não é o maior sucesso do Queen?

Uma lista com os números de uma parada norte-americana mostra quais são os cinco hits da banda

Redação Publicado em 20/10/2019, às 11h00

None
Freddie Mercury (Foto: AP)

"Bohemian Rhapsody" do Queen é uma das raras músicas que todo mundo conhece. Mesmo aquelas pessoas que não conhecem nada sobre a banda, pelo menos sabem como cantar uma parte da música. No entanto, essa canção não é o maior sucesso da banda segundo os dados da parada norte-americana Billboard Hot 100.

Em uma pequena lista com os cinco sucessos, segundo os números da parada, em quinto lugar fica "Body Language". A faixa não recebe tanta atenção quanto "Bohemian Rhapsody" ou os outros hits da banda, mas isso não diminui a grandeza dela.

A década de 1980 foi a década das grandes linhas de baixo e este é um dos melhores e mais bem executado exemplo. A banda abandona o estilo costumeiro na música em favor de experimentar novos sons. É um trabalho relativamente contido com algumas letras exageradas e melodias vocais.

+++LEIA MAIS: Freddie Mercury: 7 curiosidades que você certamente não sabia sobre o cantor

Na quarta posição está "We Are The Champions" e é outro exemplo daquelas músicas que todas as pessoas já ouviram pelo menos uma vez na vida, seja um fã de rock clássico, de esportes ou de filmes da Disney. Ainda, é um dos maiores hits para os esportistas. Existem dezenas de hinos esportivos de "Take Me Out to the Ballgame" a "Sweet Caroline", mas nenhum é tão universalmente amado e bem-sucedido quanto "We Are the Champions".

"Bohemian Rhapsody" não é a música mais popular que o Queen já lançou. Nem sequer é a segunda canção mais popular lançada pela banda. Esta pode ser a mais conhecida do grupo atualmente, principalmente após o filme Bohemian Rhapsody, cujo narra a história das conquistas e excessos de Freddie Mercury e como a banda lidou com isso nos anos 1970. No entanto, certamente não foi a faixa mais popular nas décadas de 1970, 1980 e 1990.

+++LEIA MAIS: 6 bandas que já passaram pela "Fase Queen" durante a carreira [LISTA]

O que há para dizer sobre "Bohemian Rhapsody" que ainda não foi dito? Em termos de apelo popular, é o epítome de todo o gênero de rock progressivo. Por meio de uma produção variada, a música consegue ser comovente, legal, excêntrica, exagerada e simples. É como ouvir três ou quatro músicas diferentes em uma e todas feitas com êxito.

O fato da música ser experimental e encontrar um público tão amplo é o maior elogio ao legado do Queen. Como os Beatles antes deles, a banda conseguiu inovar sem perder a conexão com o homem comum.

+++LEIA MAIS: Show icônico do Queen é tema de novo episódio de Os Simpsons

Em segundo lugar está "Crazy Little Thing Called Love", no qual, a banda tenta recriar o passado. A música mostra o grupo em uma busca de canalizar perfeitamente os sons de lendas como Elvis Presley, Carl Perkins e Little Richard. A faixa aperfeiçoou a reminiscência dos anos 50.

Quase quarenta anos após seu lançamento, "Another One Bites the Dust" ainda exala arrogância e atitude como poucas outras, por isso ocupa o primeiro lugar na lista dos maiores hits do Queen na parada da Billboard. Talvez não seja tão icônico quanto "Bohemian Rhapsody", mas ainda tem um ritmo que agrada todas as idades.