Por que Corey Taylor provavelmente recusaria entrar no Hall da Fama do Rock and Roll?

Para o vocalista, organização do evento 'honra nada, exceto a música pop'

Redação Publicado em 31/05/2021, às 12h55

None
Corey Taylor (Foto: Amy Harris / Invision / AP)

Corey Taylor, líder do Slipknot, revelou como "provavelmente" recusaria convite para entrar no Hall da Fama do Rock and Roll. A informação é do Blabbermouth.

Durante entrevista no programa Andy's Hall Pass, o apresentador comentou como os fãs possuem o poder de colocar o Slipknot no Hall e "consertar todos os erros do passado ao introduzir Judas Priest, Scorpions e um monte de outras bandas que merecem seu lugar." Em resposta, Taylor criticou duramente o evento.

+++LEIA MAIS: Corey Taylor fala sobre cultura do cancelamento após críticas a Eminem: ‘Não entendem a diferença entre metáfora e realidade’

"Em primeiro lugar, não me importo com aquele Hall, porque é uma pilha de lixo. Eles não honram nada, exceto a música pop, na verdade, e eles só introduzem bandas de rock de verdade quando precisam ceder à pressão. Desrespeitaram tantas bandas no passado, colocando outras antes daquelas realmente merecedoras."

"Eu provavelmente seguiria o caminho do Sex Pistols. Eu falaria: 'Seu Hall é uma farsa. Não me importo se faço parte disso ou não. Você não tem ideia do espírito do rock and roll. Então pegue isso e enfie na sua, você sabe o quê.' Provavelmente, nunca serei nomeado, mas realmente não me importo."

+++LEIA MAIS: Corey Taylor critica cultura do cancelamento: 'Você não precisa protestar por tudo'

Quando o Hall da Fama do Rock and Roll induziu o Sex Pistols, o cantor Johnny Rotten enviou uma carta escrita à mão com diversas ofensas. "Ao lado da banda e do rock and roll, aquele Hall da Fama é uma mancha de mijo [sic]. Nós não iremos [ao evento]. Não somos seus macacos. Não posso aceitar nenhum elogio deles - somente se me oferecerem rios de dinheiro."


+++ SUPLA | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL