Por que Fox 'puniu' Keanu Reeves com 'jejum' de 15 anos sem trabalho?

Keanu Reeves, de Matrix e John Wick, recusou sequência de Velocidade Máxima e contrato de US$ 11 milhões

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 06/07/2021, às 17h27

None
Keanu Reeves (Foto: Emma McIntyre/Getty Images)

Keanu Reeves foi responsável por dar vida aos protagonistas de grandes franquias do cinema como Matrix (1999) e John Wick (2014). O ator, no entanto, não deu sequência a uma série de filmes e rejeitou um contrato de US$ 11 milhões para atuar em Velocidade Máxima 2 (1997). Reeves revelou como a decisão prejudicou sua carreira por mais de uma década. 

Velocidade Máxima estreou em 1994 e fez muito sucesso. O longa de ação acompanhava Jack Traven (Reeves), um policial quem entrava em um ônibus armado com uma bomba. O veículo precisava continuar andando, ou o explosivo mataria todos os passageiros. Além do protagonista, a produção tinha Sandra Bullock, Dennis Hopper e Jeff Daniels no elenco. 

+++LEIA MAIS: Keanu Reeves gostaria que fãs dessem mais atenção para um filme esquecido dele

Em entrevista ao podcast Sunday Sitdown em agosto de 2020, Reeves revelou como estava "exausto" após o primeiro filme, mas a decisão de recusar a continuação teve consequências. Após Velocidade Máxima, o ator embarcou em três novos projetos: o filme de ficção científica Johnny Mnemonic, o Cyborg do Futuro (1995), o romance Caminhando nas Nuvens (1995) e o longa de ação Reação em Cadeia (1996).

Não participar do filme foi uma decisão difícil, como contou Reeves no podcast, pois se divertiu muito nas filmagens do primeiro longa. A decisão se baseou, essencialmente, no fato de Velocidade Máxima 2 demandar muito fisicamente: "Era muita correria, muito frio. Me mostraram o roteiro e não consegui enxergar. Não entendi. Então, não podia fazer."

+++LEIA MAIS: Keanu Reeves 'roubou' alguns dos seus melhores papéis de Johnny Depp

Não participar do projeto teve repercussões. Reeves acredita que a 20th Century Fox guardou rancor pela decisão e o "puniu," afastando-o de produções do estúdio até 2008, quando protagonizou O Dia em que a Terra Parou e Os Reis da Rua. "Não trabalhei na Fox por 15 anos depois disso. Mas, não sei, é apenas uma teoria," disse o ator.

As informações são do Cheat Sheet.

+++LEIA MAIS: Keanu Reeves doou US$ 40 milhões do salário para agradecer equipe de produção de Matrix


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL