Por que Rupert Grint não queria beijar Emma Watson em Harry Potter?

Imagina beijar seu melhor amigo. Parece entranho? Deve ser, mesmo

Redação Publicado em 16/09/2020, às 14h00

None
Rupert Grint e Emma Watson em Harry Potter e as Relíquias da Morte Parte 2 (Foto: Reprodução)

RonaldWeasley eHermione Granger, melhores amigos de Harry Potter, têm um romancezinho velado desde o início da adolescência. Ótimo para eles, mas péssimo para os atores, que também cresceram juntos, mas com a perspectiva de eventualmente precisariam se beijar.

Por isso Rupert Grint, quando precisou beijarEmma Watsonem Harry Potter, não gostou nada. A situação de beijar uma amiga o deixou muito desconfortável, como explicou o ator para People em 2016:

+++ LEIA MAIS: Emma Watson não entendeu bem quando deram o papel de Hermione para ela: 'O que isso significa?'

“Eu nunca assisto essa cena. Conheço Watson desde que ela tem nove anos, é literalmente uma relação de irmão e irmã. E foi um sentimento muito surreal. Tenho uma memória do rosto dela ficando mais e mais perto. Tipo, ‘Ai meu Deus.’ Depois disso, não consigo mais lembrar de nada.”

Mas, para ele, o pior foi precisar refazer a cena várias vezes. “Uma vez teria sido o bastante. Foi um momento enorme, e tinha muito expectativa. Muita pressão, na verdade.”

+++ LEIA MAIS: Emma Watson não consegue atuar porque se sente uma fraude: 'Fico incrivelmente desconfortável'

Emma Watson sentiu algo parecido, como disse para o Movies Ireland: “Puramente pelo fato dele ser tipo meu irmão, e estávamos no mesmo barco. Tenho certeza que ele te diria a mesma coisa, exatamente. Foi estranho. Nós dois queríamos que acabasse igualmente.”

+++ BK' lança novo disco e fala sobre conexão com o movimento Vidas Negras Importam: 'A gente sabia que ia explodir'