Por que Wolfgang Van Halen substituiu Michael Anthony na reunião da banda?

O Van Halen se reuniu em 2007 e Wolfgang, filho de Eddie, substituiu o baixista Michael Anthony

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 09/06/2021, às 16h05

None
Wolfgang Van Halen (Foto: Ethan Miller / Getty Images)

Wolfgang Van Halen, filho de Eddie Van Halen, causou descontentamento dos fãs quando se juntou com a banda para a reunião com David Lee Roth, em 2007, no lugar do baixista Michael Anthony. Wolfgang descreveu a situação como "arriscada e complicada" e revelou qual foi a motivação para participar em entrevista ao Spin. 

Segundo informações do Ultimate Classic Rock, o baixista entende o motivo dos fãs não gostarem dele, "era uma criança substituindo um integrante de longa data." Porém, explicou como a mudança não foi radical e imediata.

+++LEIA MAIS: A história sombria de um suicídio por trás de ‘Jump’, de Van Halen

"Meu pai não disse, 'vá se f****, saia daqui [para Michael].' Wolfgang explicou como o pai, Eddie Van Halen, estava passando por um período difícil na luta contra o alcoolismo, enquanto Michael curtia a vida com Sammy Hagar. "Ele não queria ficar perto do meu pai quando estava daquele jeito, é compreensível."  

Quem mudou o lineup do grupo, ao final, foi Eddie. Wolfgang nunca pediu para tocar baixo na banda, como confessou na entrevista, "apenas queria manter meu pai vivo." Após a decisão, o Van Halen filho se juntou à banda por quase uma década, e participou de três turnês e da gravação de um disco. 

+++LEIA MAIS: Filho de Eddie Van Halen ficou chateado com tributo ao pai no Grammy 2021


+++ URIAS: 'AS PESSOAS ESTÃO COMEÇANDO A ENTENDER MAIS DE MIM' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL