Por que ‘You Can’t Do That’ foi a primeira música dos Beatles com solo de guitarra de John Lennon em vez de George Harrison?

A faixa creditada a Lennon/McCartney foi composta para o Lado B de A Hard Day's Night sob uma abordagem diferente

Redação Publicado em 26/01/2020, às 14h00

None
John Lennon e George Harrison em 1965 (Foto: AP Images)

George Harrisonera o guitarrista principal dos Beatles, mas isso não quer dizer que ele monopolizou todos os solos do Fab Four.

Em "Taxman", composição de George que deu início a Revolver, Paul McCartney fez o solo porque George não conseguiu tocá-lo com tanta rapidez no estúdio. Em “Get Back”, John Lennon assumiu a liderança porque George abandonou os Beatles durante as sessões de Let it Be.

Em outros casos, John simplesmente quis se dar uma chance. “Eu gosto de conduzir, então eu o faço”, ele disse em 1964. E foi exatamente o que ele fez em “You Can't Do That” - uma faixa que ele compôs para A Hard Day's Night e tornou-se o primeiro solo dele no lugar de George.

+++ LEIA MAIS: Ringo Starr disse que "não sabia o que fazer" quando soube da morte de John Lennon

Conversando com a revista Melody Maker em 1964, John revelou que se sentia confortável ao sair do ritmo ocasionalmente. "Eu achava uma chatice ficar marcando o ritmo, então eu sempre desenvolvo algo interessante para tocar", disse ele.

Em "You Can’t Do That", ele queria uma abordagem diferente. "Realmente não existe um guitarrista principal e um guitarrista rítmico nesta música", disse ele. "De qualquer forma, me deixava louco tocar pedacinhos de ritmo por muito tempo.” 

Assim, John cava um solo que dura cerca de 20 segundos, dando um soco emocional perfeito para a faixa. "Eu nunca toquei nada como guitarrista que George não pudesse fazer melhor", ele disse à Melody Maker

+++ LEIA MAIS: Cocaína e problemas técnicos - a última gravação de Paul McCartney e John Lennon

Escute a música abaixo: 


+++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 2), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL