Por trás do meme de Bernie Sanders: fotógrafo revela bastidores da criação [ENTREVISTA]

"A foto por si só não é muito boa. Não a colocarei em um portfólio," contou Brendan Smialowski em entrevista à Rolling Stone EUA

Reed Dunlea | ROLLING STONE EUA. Tradução: Gabriela Piva | @gabriela_piva (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 02/03/2021, às 17h53

None
Senador Bernie Sanders na posse do presidente Joe Biden. (Créditos: Pool/Getty Images)

Duas semanas antes da posse de Joe Biden, Brendan Smialowski, antigo fotojornalista de política da agência de notícias Agence France-Presse, estava ao lado de fora do Capitólio quando apoiadores de Donald Trump invadiram o local. Na quarta, 20 de janeiro, Smialowski registrava a celebração da nova administração do presidente Joe Biden

Smialowski saiu naquele dia para registrar momentos da ocasião com humor. “Se você olhar para a direita, verá a colina do Capitólio, seu lindo estande e todos os assentos espalhados. À esquerda, verá o shopping Nacional completamente vazio,” contou o fotógrafo à Rolling Stone EUA

+++ LEIA MAIS: Alguém colocou o meme de Bernie Sanders na capa de discos clássicos - e resultado é icônico

Atento aos Senadores Ted Cruz e Josh Hawley, Smialowski reparou no Senador Bernie Sanders sentado longe de outras pessoas. A foto se tornou o maior meme da inauguração: amadores e profissionais inseriram a pose deSanders em pinturas clássicas, imagens de filmes, capas de discos, fotos históricas e outros memes. 

Sanders é enorme, teve muito apoio no começo da candidatura. A marca política dele é popular,” disse Smialowski. “Vou me atentar a ele, com certeza, e em como Sanders interage com as pessoas para arriscar uma boa fotografia.” 

+++LEIA MAIS: Playlist de Joe Biden e Kamala Harris tem Anitta, Beyoncé e Led Zeppelin

Qual foi o seu primeiro pensamento quando tirou a foto?

A foto por si só não é muito boa. Não é uma ótima composição fotográfica. Não a colocarei em um portfólio.

+++LEIA MAIS: Zeca Pagodinho usa meme de Pulp Fiction: 'Procurando a vacina'

Quantas fotos dele você tirou naquele momento? Por quanto tempo olhou para Sanders?

Naquele exato momento, tirei duas fotografias. É engraçado porque a segunda foto, na minha opinião, ficou melhor do que a primeira. Porém, escolhi a primeira porque a captura - apostura, pose - estava um pouco melhor. Em contrapartida, a composição da foto em si era um lixo. Era uma foto desajeitada, mas o momento era mais propício. Sempre digo isso em fotojornalismo: a composição vem em segundo lugar; em primeiro, o conteúdo. Se não puder juntar tudo de uma forma bela, com tudo colaborando para a fotografia, tudo bem. É mais importante captar o momento e continuar fotografando.

+++ LEIA MAIS: Alicia Keys pede para Joe Biden lançar iniciativa de justiça racial nos EUA

Nesse caso, o momento foi muito, muito rápido. Então, não teve uma sequência fotográfica. Observava-o antes e até já tinha fotografado Sanders, como, por exemplo, quando ele andava pelo local. Fotografava com uma certa despreocupação porque [a foto] se torna, de fato, muito interessante: existem todas essas cabeças e corpos se movimentando de uma forma esquisita. Mas, quando fotografei Sanders, minha câmera estava focada em outra pessoa porque eu observava [Senador Ted] Cruz e [Josh] Hawley.

Então, você focava neles?

+++ LEIA MAIS: Joe Biden revoga medida de Trump que proíbe pessoas transgênero no exército dos EUA

Esses caras são bem importantes na história devido aos acontecimentos das últimas semanas. Minha prioridade se encontrava neles, naquele momento. Quanto fotografo, no entanto, mantenho os olhos abertos. Você mantém um olho na câmera para uma grande ampliação - ou seja, a foto em si. Porém, é importante manter o outro olho aberto para ver o que acontece ao seu redor. Então, também vigiava com meu outro olho. Assim, vi Sanders sentando e se mexendo um pouco. Foi quando me mexi rapidamente para tirar uma foto.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

 

Ao julgar pela foto, Bernie parecia um pouco rabugento e aborrecido. Era esse mesmo o estado de espírito dele naquele momento?

+++ LEIA MAIS: A história do disco folk de Bernie Sanders, o socialista pré-candidato à presidência dos EUA

Então, não sou muito fã de congelar um momento muito específico. Não gosto desse estilo e não tento usufruí-lo. Isso porque, no segundo seguinte, o momento se torna uma fotografia diferente, apesar de o sentimento da imagem ser verdadeiro e justo. Em termos de composição, cada parte de onde suas mãos e pernas se localizam ficaram um pouco diferentes. Porém, foi o suficiente. 

+++ LEIA MAIS: Joe Exotic diz ter sofrido abuso sexual na prisão e implora perdão de Trump em carta de 257 páginas

Não queria demorar para fotografar porque tinha muito para fazer naquele dia. Não é tudo sobre Bernie. Ele não estava sozinho o tempo todo… Ele, definitivamente, conversava com outras pessoas. O Senador Sanders estava confortável no evento ao sentar-se sozinho com seus documentos e, mais tarde, ao cumprir o resto da agenda dele.

Quando você tirou aquela foto, achou que a imagem se tornaria viral? 

+++ LEIA MAIS: Cabeleireira Leila, meme brasileiro, aparece em cena de The Boys; veja

Não. Obviamente, foi uma boa captura. Foi uma boa representação da vida. Gosto desse tipo de situação. É o objeto sendo quem é, e isso é bom. Facilita meu trabalho. 

Acredito que, se você pudesse prever o meme, teria um bilhão de dólares. 

+++ LEIA MAIS: 4 séries que você deveria assistir se amou Fleabag, queridinha de Barack Obama

Se eu soubesse, nunca teria tirado a foto. Estaria muito feliz por nunca ter feito um meme. 

Você pode dizer por que aquela imagem se tornou um meme e por que fisgou a imaginação das pessoas? 

+++LEIA MAIS: Foo Fighters e Bruce Springsteen são confirmados em posse de Joe Biden

Não sou qualificado para falar sobre isso porque entra em questões sociológicas e psicológicas, e não tenho qualificação nessas áreas. Sinto-me confortável em dizer apenas sobre a imagem pública do Senador Sanders. Essa foto é um momento bonito. Defendo isso. A fotografia também mostra quem ele é. Se fosse outra pessoa no lugar, a captura não teria viralizado.

Você gostou de alguns dos memes criados a partir dessa foto?

+++LEIA MAIS: Lady Gaga cantará hino dos EUA na posse de Joe Biden

Gosto muito quando as pessoas fazem a arte do photoshop. Combinar a textura e a tonalidade mostra um certo nível de talento. Pode ser bem divertido, e depende da peça artística escolhida e da mensagem por trás dela. A forma como as pessoas juntam memes diz muito sobre elas mesmas.

Você viu que a equipe de Bernie colocou a imagem em um blusão? Você comprará alguma peça?

+++ LEIA MAIS: Eminem cede música ‘Lose Yourself’ para vídeo da campanha presidencial de Joe Biden

Temos uma política em casa: você traz alguma peça de roupa, e precisa se desfazer de outra. Gosto de todas as minhas roupas no momento. Elas me aquecem. Não consigo pensar em qual blusão jogaria fora se trouxesse um novo. 

E se alguém lhe enviar um par de luvas com o meme?

+++ LEIA MAIS: Stephen King se desculpa por ‘ter previsto’ o coronavírus e Trump nos livros; entenda

As luvas são bem bonitas. Serei honesto. Sempre é uma fração de segundo, mas a quantidade de tempo investido para fotografar um segundo é enorme; e o trabalho de um fotojornalista costuma ser realizado no frio da rua. [Ter um par de luvas] É importante para os dedos funcionarem e as mãos se manterem aquecidas. Parecia um bom par de luvas.

+++ HUNGRIA HIP HOP: 'SOU APEGADO EM SORRISOS QUE A MÚSICA PODE LEVAR' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL