Prefeito do Rio de Janeiro manda censurar gibis dos Vingadores em Bienal do Livro

De acordo com Marcelo Crivella, os quadrinhos apresentam "conteúdo sexual" impróprio para menores de idade

Redação Publicado em 06/09/2019, às 11h50

None
Hulkling e Wiccano se beijam (Foto: Twitter/Reprodução)

Na última quinta, 5,  Marcelo Crivella, prefeito do Rio de Janeiro pelo PRB, publicou no Twitter a decisão de censurar o gibi Vingadores - A Cruzada das Crianças da Bienal do Livro, segundo o jornal Folha de S.Paulo.

“A Prefeitura do Rio de Janeiro determinou que os organizadores da Bienal do Livro recolhessem esse livro [Vingadores - A Cruzada das Crianças], que traz conteúdo sexual para menores”, disse Crivella no vídeo.

+++ LEIA MAIS: Deadpool, Mulher Maravilha e Batwoman: 7 personagens LGBTQ+ da Marvel e da DC Comics

No entanto, os quadrinhos mostram apenas dois rapazes se beijando, completamente vestidos.

Segundo a organização do evento, a prefeitura mandou uma notificação extrajudicial para a Bienal, pedindo para que os livros fossem lacrados e viessem com classificação indicativa ou aviso de que há material 'proibido' para menores de idade.

+++ Leia mais: 6 motivos para acreditar que Keanu Reeves derrotaria os Vingadores

"Livros assim precisam estar embalados em plásticos preto lacrado e, do lado de fora, avisando o conteúdo", continuou o prefeito. "Portanto, a Prefeitura do Rio de Janeiro está protegendo os menores da nossa cidade."

A Bienal do Livro afirmou que não irá recolher nem embalar nenhum livro, pois o conteúdo não é impróprio e nem pornográfico. Em nota, a equipe da mostra ainda afirmou que vivemos em uma democracia: "Este é um festival plural, onde todos são bem-vindos e estão representados. Inclusive, no próximo fim de semana, a Bienal do Livro terá dois painéis para debater a literatura Trans e LGBTQA+."

+++ Leia mais: Vingadores: Ultimato bate Bohemian Rhapsody e conquista mais um recorde

Assita ao vídeo aqui.