Priorizando saúde mental, Metallica aposta em métodos alternativos para turnês

Os integrantes da banda chegaram todos aos 50 e poucos, e começam a se preocupar com corpo e mente

Redação Publicado em 26/03/2019, às 18h20

None
James Hetfield, Robert Trujillo e Lars Ulrich, do Metallica (Foto:KGC-138/STAR MAX/IPx)

Com 38 anos de estrada, os integrantes do Metallica têm prioridades bem definidas em sua carreira: a saúde física e mental.

Lars Ulrich, baterista da banda, revelou ao Courier Mailque, agora que todos eles chegaram na casa dos 50, estão se preocupando cada vez mais com seu corpo e com o que fazem dele.

Ele ainda falou um pouco do método que a banda usa para poder manter a cabeça no lugar durante turnês, como a que realizarão na Austrália e na Nova Zelândia ainda este ano.

“A gente faz turnos de duas semanas de apresentações, e aí volta para casa para recarregar as nossas baterias”, brincou. “A melhor coisa desse modelo é que você pode sempre se apoiar no fato de que você vai estar em casa se recompondo depois de umas semanas.”

“Tentamos combinar isso e achar um equilíbrio para ter tanto estabilidade física quanto mental. E a gente não tem que fazer o que os outros fazem [em turnês]”, acrescentou o músico.

Lars também disse que o Metallica não tem intenção alguma de parar, e que querem fazer shows durante um bom tempo, e para isso se inspiram em músicos como Paul McCartney, Neil Young e os Rolling Stones, todos experientes na estrada.

A banda se prepara para sair em turnê em outubro deste ano. Metallica dividirá o palco com Slipknot.