Pulse

Produtor de Sonic rebate reclamações feitas por Jim Carrey sobre o peso da opinião dos fãs

O ator interpreta o vilão Robotnik na adaptação do adorado game da Sega

Redação Publicado em 06/08/2019, às 12h14

None
Jim Carrey como Robotnik em Sonic (Foto:Reprodução)

Logo no começo de agosto, Jim Carrey demonstrou preocupação quanto ao peso que as reclamações dos fãs exerceu na produção do filme Sonic, já que os responsáveis pelo longa decidiram refazer o design do personagem depois de inúmeras reclamações surgirem com a divulgação do primeiro trailer.

Por causa disso, o lançamento da adaptação do game clássico da Segafoi atrasado em 3 meses.  Sobre essa decisão, Carrey falou que "a consciência coletiva decide que quer algo", e quando o que quer, passa a não querer mais. 

+++Leia mais: Animador refaz trailer de Sonic com personagem igual ao dos jogos

Adi Shankar, produtor do longa, não ficou muito satisfeito com os comentários do ator, e respondeu com uma carta aberta. Leia abaixo:

"Querido Jim, o público não está envolvido na criação do filme em que você atuou. Sonic the Hedgehog foi criado há décadas. O filme para o qual você emprestou seu talento adaptou [o personagem] de forma incorreta."

Além disso, Shankar, também falou sobre o problema histórico que aterroriza as adaptações de games em Hollywood, causado justamente pela falta de cuidado e atenção ao material original.

Sonic deve chegar aos cinemas em fevereiro de 2020.

LISTA: 13 segredos de 'Ladrão', o terceiro disco do Djonga e um dos melhores de 2019