Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Denúncia

Produtor musical acusa Sean 'Diddy' Combs de assédio sexual e agressão

Além das alegações de Rodney 'Lil Rod' Jones, Sean 'Diddy' Combs enfrenta outras acusações de estupro

Redação Publicado em 27/02/2024, às 11h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Sean "Diddy" Combs (Foto: Getty Images)
Sean "Diddy" Combs (Foto: Getty Images)

O produtor musical Rodney "Lil Rod" Jones, que trabalhou com Sean "Diddy" Combs no mais recente disco de estúdio do rapper, acusou o cantor de músicas como "I'll Be Missing You" e "I Need a Girl" de assédio sexual e agressão. As informações são da People.

O processo foi movido no tribunal federal de Nova York na última segunda, 26. Nele, o produtor acusa Diddy de forçá-lo a procurar e fazer sexo com prostitutas, além de alegações de que o magnata do hip-hop o drogou e ameaçou por mais de um ano. Lil Rod, que pedi indenização de US$ 30 milhões, cerca de R$ 148,8 milhões na cotação atual, explicou como viveu e viajou com Combs de setembro de 2022 a novembro de 2023, assim como foi responsável por produzir nove músicas do álbum The Love Album: Off the Grid (2023).

+++LEIA MAIS: Sean 'Diddy' Combs é alvo de mais duas acusações de estupro

Além disso, o produtor alegou como o rapper dava bebidas alcoólicas misturadas às pessoas em sua casa. Para tentar provar o argumento, Lil Rod anexou ao processo capturas de tela de reuniões nas casas de Combs, nas quais estavam presentes meninas menores de idade e acompanhantes de luxo, algumas das quais supostamente receberam bebidas misturadas.

No processo, Jones também afirmou como, em fevereiro de 2023, acordou na cama com duas prostitutas e suspeitou ter sido drogado. Ele ainda acrescentou como teria sido convidado a trabalhar no banheiro de Combs quando o artista "andava nu e tomava banho em uma divisória de vidro transparente."

+++LEIA MAIS: 50 Cent estaria trabalhando em documentário sobre acusações contra Diddy

Em resposta, Shawn Holley, advogado de Sean "Diddy" Combs, comentou como "a menção imprudente de Jones sobre eventos que é pura ficção e simplesmente não aconteceram nada mais é do que uma tentativa transparente de ganhar manchetes."

Temos provas contundentes e indiscutíveis de que suas afirmações são mentiras completas. Nossas tentativas de compartilhar esta prova com o advogado do Sr. Jones, Tyrone Blackburn, foram ignoradas, já que o Sr. Blackburn se recusa a retornar nossas ligações. Abordaremos essas alegações bizarras no tribunal e tomaremos todas as medidas apropriadas contra aqueles que as fazem.

Tyrone A. Blackburn, advogado de Rodney "Lil Rod" Jones falou com a People sobre o processo: "O litígio nunca deve ser a primeira opção para uma disputa. Entramos com o processo devido à recusa em negociar do outro lado."

+++LEIA MAIS: Reality show sobre Sean 'Diddy' Combs é cancelado após acusações de estupro