Programa de Ellen DeGeneres perde 1 milhão de espectadores após denúncias de racismo e abuso

Funcionários denunciam ambiente de trabalho tóxico nos bastidores

Marina Sakai | @marinasakai_ (sob supervisão de Camilla Millan) Publicado em 23/03/2021, às 17h20

None
Ellen DeGeneres (Foto: Hubert Boesl/ picture-alliance / dpa / AP Images)

The Ellen Degeneres Show (2003) perdeu mais de um milhão de espectadores após alegações de ambiente de trabalho tóxico. Em abril de 2020, 30 funcionários denunciaram casos de racismo e assédio sexual nos bastidores do programa. As informações são do Screen Rant.

O programa de Ellen começou na NBC há quase 20 anos, misturando cultura pop, entretenimento, comédia e histórias comoventes. Aparentemente, entretanto, o clima nos bastidores não é tão positivo quanto parece.

+++LEIA MAIS: Ellen DeGeneres testa positivo para Covid-19 após retorno das gravações do programa

Após as denúncias, a apresentadora pediu desculpas ao público, reconheceu as acusações e disse que as encara com seriedade e busca aprender. 

O New York Times e a Nielsen Ratings (sistema de medição de audiência) concluíram: o programa teve uma média de 1,5 milhão de espectadores nos últimos seis meses, 2,6 milhão a menos comparado ao ano passado. O declínio também significa perda de dinheiro, a atração perdeu 20% em anúncios.

+++LEIA MAIS: Ellen DeGeneres cancelada? Entenda o que aconteceu com a apresentadora

Apesar de todas as denúncias, The Ellen Show foi renovado para a 19ª temporada, a última na qual DeGeneres é obrigada a trabalhar por enquanto. A comediante também assinou um contrato com a HBO Max para criar um novo programa.


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ HUNGRIA HIP HOP | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL