Projeto Cinesthesia retoma era de ouro dos cinemas em São Paulo

Em edições mensais, festa convida os espectadores a revisitarem clássicos do cinema pop

Redação Publicado em 01/03/2015, às 10h00

Cinesthesia
Divulgação

Em novembro de 2014 o Cine Joia resolveu voltar ao passado e retomar - além da original função do prédio - a celebrada era do cinema dos anos 1950. O projeto Cinesthesia explora novas possibilidade de assistir um filme através de eventos mensais repletos de atrações.

Oscar 2015: Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância) leva prêmio de Melhor Filme.

Funciona da seguinte forma: o projeto acontece uma vez por mês, aos domingos, com a exibição de dois filmes de gênero de cultura pop e, entre uma exibição e outra, uma banda que tenha o perfil do tema da noite se apresenta. Além disso, as projeções do famoso mapping 3D do Cine Joia dialogam com o filme em cores, imagens e diferentes fenômenos sensoriais. Por isso o nome Cinesthesia.

Oscar 2015: longa sobre “foragido” Edward Snowden ganha Melhor Documentário.

A primeira edição aconteceu no fim de 2014, com a exibição de O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper, e O Exorcista, dirigido por William Friedklin. O show de horror ficou completo com a apresentação da banda Zumbis do Espaço, uma das fundadoras do peculiar estilo "horror rock". Aconteceram ainda outras edições, com a exibição de Mágico de Oz sincronizado com o histórico álbum The Dark Side Of the Moon, do Pink Floyd e, já em 2015, um evento dedicado ao longa Rocky Horror, que teve atores interpretando cenas do celebrado filme de Jim Sharman.

A próxima edição do Cinesthesia acontecerá no dia 29 de março, mas não foi divulgado qual será o tema.