Qual capa dos Rolling Stones trazia uma mensagem escondida sobre os Beatles?

“A imprensa britânica estava constantemente criando rumores de que os Beatles e os Stones não se davam bem (...) Isso não é verdade”

Redação Publicado em 06/04/2020, às 09h10

None
Beatles (Foto: AP) e Rolling Stones (Foto: Reprodução)

Na década de 1960, os Beatles e os Rolling Stones eram vistos como rivais por grande parte do público. Paul McCartney acusou os Stones de copiar o Fab Four. Da mesma forma, Mick Jagger acusou o Fab Four de copiar os Stones. No final, porém e felizmente, não havia tempo ruim entre as duas bandas.

Em 1967, os Rolling Stones mostraram a boa vontade que tinham sobre os Beatles na estreia do seu álbum psicodélico, Their Satanic Majesties Request - uma tentativa “descarada” de se equiparar ao icônico Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band.  

+++ LEIA MAIS: Beatles, Pink Floyd e Bob Marley: os 10 discos de vinil mais vendidos da década de 2010 [LISTA]

Como tal, a capa de Their Satanic Majesties Request tem uma capa exótica que, ainda, apresenta uma mensagem subliminar aos Beatles. Se você reparar no disco dos Rolling Stones, verá Mick Jagger e companhia vestidos de bruxos e envoltos de imagens psicodélicas. O que você provavelmente não notou, contudo, é que os rostos de John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr também estão lá, escondidos entre as flores.

O fotógrafo Michael Cooper foi o responsável pelo ensaio de Their Satanic Majesties Request. Em 2018, durante uma entrevista, seu filho dele, Adam Cooper, falou sobre o álbum, explicando por que os Stones colocaram os Beatles na capa.

Segundo ele, isso foi uma crítica dos Stones à maneira como a imprensa tratava o relacionamento entre as bandas. “A imprensa britânica estava constantemente criando rumores de que os Beatles e os Stones não se davam bem, e eles apresentavam essa imagem de bad boy dos Stones e essa imagem limpa dos Beatles. Foi uma invenção completa da imprensa. As pessoas acreditavam nisso, então os Stones, em 1967, disseram: ‘Já tivemos o suficiente dessa merda. Vamos tentar nos comunicar com o público para dizer que isso não é verdade’.”

+++LEIA MAIS: Beatles, Stones, Nirvana e Pink Floyd: os 50 discos mais valiosos do mundo

Cooper observou que também há uma referência aos Rolling Stones na capa de Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band. Especificamente, há uma boneca vestindo uma camiseta que diz: “Boas-vindas aos Rolling Stones”, sugerindo, de forma sutil, que as duas bandas gostavam uma da outra.

No entanto, o relacionamento entre eles pareceu ficar um pouco difícil após a estreia de Their Satanic Majesties Request. John, o membro mais franco dos Beatle, tinha coisas controversas para dizer sobre Jagger e sua banda na década de 1970. 

 


+++ DISCOGRAFIA DO THE STROKES: OS ALTOS E BAIXOS DOS ARRUACEIROS DE NOVA YORK