Qual disco dos Beatles foi considerado um 'desastre' pelo New York Times?

Segundo crítica de Nik Cohn, o álbum é 'manco, pomposo e falso'

Redação Publicado em 18/04/2021, às 16h00

None
Beatles (Foto: Getty Images / Equipe)

Os Beatles venderam milhões de discos e tiveram uma carreira aclamada por público e crítica. Porém, um álbum do grupo formado por Paul McCartney, John Lennon, Ringo Starr e George Harrison foi considerado um "desastre" pelo New York Times. A informação é do Showbiz Cheat Sheet.

Nos oito anos juntos, lançaram 13 discos de estúdio - alguns entraram para a história da música, como Abbey Road (1969), Help! (1965), Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (1967) e Let It Be (1970). Porém, uma dessas obras primas não caiu nas graças do New York Times.

+++LEIA MAIS: 'Maior que Jesus': a história da briga entre os Beatles e a Igreja [FLASHBACK]

A review do Abbey Road, escrita por Nik Cohn, trazia muitas críticas ao esforço do Fab Four. Intitulado "For 15 Minutes, Tremendous" ("Formidável Por 15 Minutos," na tradução livre), o texto chamou o último disco dos Beatles de "manco, pomposo e falso." Também opinou como "o resto deste álbum é um desastre absoluto."

"As seis faixas do lado A e as duas primeiras canções do B são todas ruins," continuou na análise. "Há uma canção de ninar de Ringo Starr; duas canções de George Harrison, mediocridade encarnada; mais uma fatia da nostalgia de Paul McCartney dos anos 1920 e um blues lento sem fim. A maldade varia de mero tédio suave a constrangimento."

+++LEIA MAIS: Por que Paul McCartney está descalço na capa de Abbey Road?

Segundo dados do Money Inc, Abbey Road foi o quinto disco mais vendido dos Beatles, com 10 milhões de cópias comercializadas no mundo.


+++ HAIKAISS | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL