Qual é o patrimônio líquido de cada integrante dos Beatles?

Milhões e bilhões de dinheiro; saiba quanto cada integrante dos Beatles juntou durante suas carreiras

Itaici Brunetti Publicado em 06/05/2021, às 10h45

None
Os Beatles em Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band, de 1967 (Foto: Reprodução)

Os Beatles não são considerados apenas a maior banda do mundo, mas também a mais rica. Além de terem feito rios de dinheiros com execuções de suas canções no decorrer das últimas seis décadas, cada integrante investiu em outros projetos - o que os fez aumentarem suas respectivas fortunas. 

De acordo com artigo do site britânico The Express, Ringo Starrfoi nomeado em 2020 como o baterista mais rico do mundo, com uma fortuna estimada em US$ 350 milhões (cerca de R$ 1. 862 bilhão na cotação desta quinta, 6). 

+++LEIA MAIS: 5 filmes sobre os Beatles, classificados do melhor ao pior [LISTA]

Já o guitarrista George Harrison, falecido em 29 de novembro de 2001, devido a um câncer no pulmão, deixou para a viúva Olivia Arias e para o filho Dhani Harrison cerca de US$ 400 milhões (R$ 2.128 bilhões). 

A fortuna de John Lennon valia US$ 200 milhões (R$ 1.064 bilhão) quando foi assassinado em 8 de dezembro de 1980. Segundo informações do site, atualmente está avaliada em US$ 620 milhões (R$ 3.299 bilhões) devido aos royalties dos Beatles e de sua carreira solo que recebeu nas últimas décadas. Yoko Ono é a detentora do valor. 

+++LEIA MAIS: Qual disco dos Beatles recebeu um review 'ofensivo,' para Paul McCartney?

Sir Paul McCartney, que mantém uma carreira solo de sucesso até hoje, é o mais adinheirado dos Beatles. Sua fortuna é estimada em US$ 1,2 bilhão (R$ 6.039 bilhões). O baixista e cantor também lidera a lista de músicos mais ricos. 

Como Pau McCartney vinha realizando grandes turnês em estádios lotados ao redor do mundo e provavelmente deve continuar assim que a pandemia do coronavírus passar, sua riqueza só tem a aumentar. 


+++ KONAI | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL