Quando Batman foi obrigado a se reunir com assassino dos pais em missão

Em Batman: Ano Dois, Bruce Wayne e Joe Chill formam um time para enfrentar o Ceifador; veja

Redação Publicado em 22/11/2020, às 15h00

None
HQ Batman Secret Files (Foto: DC Comics / Reprodução)

Você sabia que Batman já trabalhou ao lado de Joe Chill, o homem que matou seus pais a sangue frio?

Essa “reunião” inesperada integra a HQ Batman: Ano Dois (ou Detective Comics #575 - 578), publicada entre junho e setembro de 1987.

+++ LEIA MAIS: Como roupa de Mulher Gato de The Batman se conecta à versão de 1992?

Como o nome indica, a história se passa no início da carreira de Batman, quando Gotham City ainda não tinha se acostumado com a ideia de Gordon, recém-nomeado Comissário de Polícia de Gotham, firmando parceria com um super-herói.

Todas as diferenças são deixadas de lado quando o Ceifador, ex-vigilante de Gotham, retorna para combater criminosos (e o Batman).

Desesperado, Batman sugere uma trégua com as famílias criminosas de Gotham; e todos trabalham juntos para derrubar o Ceifador. No entanto, Batman deve se unir a ninguém menos que Joe Chill.

Obviamente, o super-herói fica horrorizado, e os dois não encontram um bom ritmo trabalhando juntos. De um lado, a raiva de Batman é gritante. Do outro, a atitude raivosa e agressiva de Joe Chill não colabora.

+++ LEIA MAIS: Colin Pharrell surge irreconhecível como Pinguim em The Batman

Os eventos finalmente chegam ao ápice quando Batman revela a verdade para Joe Chill: ele é Bruce Wayne. E bem a tempo do Ceifador matar o criminoso.

Assim, Bruce Wayne perde a única chance que teve de se vingar.

 


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes!


+++ MANU GAVASSI | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL