Quando os Eagles processaram um Hotel chamado California

Hotel mexicano lucrava com a música de sucesso da banda

Redação Publicado em 03/05/2021, às 14h18

None
Eagles (Foto: reprodução/site oficial)

Na terça, 2 de maio de 2017, o TMZ informou que a banda Eagles abria um processo contra um hotel mexicano chamado Hotel California, título da música mais famosa da discografia do grupo, por lucrar com o nome da canção.

Segundo o processo, o hotel, localizado na província da Baixa Califórnia, no México, cerca de 75 quilômetros ao norte de Cabo San Lucas, garantia aos hóspedes desde 2001 que o local é relacionado à música. 

+++LEIA MAIS: 4 fatos sobre ‘Hotel California’, hit dos Eagles, que você (provavelmente) não sabia

Não era nada disso, porém. A banda afirmou que "Hotel California" não tinha vínculo com o local. Desse modo, reivindicaram indenização financeira, além de claro, pedirem ao hotel parar de lucrar com o nome do hit.

No site oficial, o estabelecimento fazia referência às "lendas" e afirmavam a conexão entre o local e a música dos Eagles, mas explica explicitamente sobre os proprietários e o grupo: "Não têm qualquer ligação, nem promovem qualquer vínculo".

+++ LEIA MAIS: 44 anos depois, Eagles fará turnê de Hotel California em 2020

No ano seguinte, em janeiro de 2018, a banda conseguiu entrar em acordo com o local e encerrou o processo. "Este assunto foi resolvido com um acordo entre as partes", disse Tom Jirgal, advogado responsável por representar o grupo, em um comunicado via Billboard. As informações não foram detalhadas. 

Lançada em 1976, “Hotel California”, do Eagles, pode ser considerada uma das músicas mais famosas da história do rock. A canção é a faixa-título do disco da banda liderada por Glenn Frey e Don Henley.

+++LEIA MAIS: FLASHBACK: Eagles toca "Hotel California" em 1977; assista


+++ KONAI | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL