Quem volta em 2009

Ano tem reunião confirmada do Blur e do Faces, antiga banda de Rod Stewart e Ron Wood; Stone Roses, Pavement e Kinks também podem voltar a tocar juntos

Da redação Publicado em 27/12/2008, às 19h01

Entre separações, declarações desmentidas pelos artistas e boataria da imprensa, algumas bandas já confirmaram retorno em 2009 - e o mais aguardado é o dos britânicos do Blur.

Damon Albarn, vocalista da banda (e líder do grupo virtual Gorillaz) confirmou a reunião do grupo durante a gravação de sua ópera, Monkey: A Journey to the West, nos estúdios da BBC, em Londres, em novembro. Um mês antes, o cantor havia dito que os integrantes nunca mais voltariam a tocar juntos.

Depois do anúncio, Albarn e o guitarrista Graham Coxon saíram na capa da revista britânica NME, afirmando que "resolveram deixar as diferenças de lado". Coxon deixou a banda oficialmente em 2002 e, desde então, o grupo não se apresenta ao vivo. O baixista Alex James e o baterista Dave Rowntree também estão confirmados para a apresentação que marca o retorno da banda, no dia 3 de julho de 2009, no Hyde Park, em Londres.

Veja abaixo outras bandas que devem voltar a tocar no ano que vem.

Faces

Outra grupo britânico que já tem reunião confirmada é o Faces, que selou uma parceira entre Rod Stewart e Ron Wood, guitarrista dos Rolling Stones, entre o final da década de 1960 e meados de 1970. O crooner disse que a banda voltou a ensaiar no último mês de novembro, e que deve se apresentar ao vivo em 2009. Todos os integrantes originais do grupo estão de volta, exceto o falecido baixista Ronnie Lane, morto em 1997. Ele será substituído pelo baixista da banda de Stewart.

Kinks

Os ingleses do Kinks, separados há 12 anos, estão preparando um novo disco. De acordo com o vocalista Ray Davies, a data de lançamento do álbum vai depender "da qualidade final, pois queremos fazer boas músicas novas". Davies esteve em turnê solo em 2008. Ainda não há shows confirmados do Kinks em 2009, mas apresentações não estão descartadas.

Stone Roses

Ainda não há nada certo, mas Mani, baixista do Stone Roses, acredita que o grupo pode se reunir em 2009. Em entrevista a um canal de TV na internet, o músico disse que só falta convencer Ian Brown, vocalista do grupo. "No ano que vem será o aniversário de 20 anos do nosso primeiro álbum. É o momento ideal para isso [a reunião]. É algo que eu gostaria de fazer antes de estarmos todos gordos e carecas", afirmou. O disco homônimo, lançado em 1989, teve apenas um sucessor, Second Coming, de 1994.

Pavement

Também aproveitando aniversário, os norte-americanos do Pavement podem voltar a se apresentar como uma banda. Em março de 2008, a revista Entertainment Weekly apresentou uma entrevista com os integrantes, separados desde 1999, depois de inúmeras brigas. Segundo o guitarrista Scott Kannemberg, 2009 pode trazer uma reunião, já que marca os 20 anos da formação da banda e de sua gravadora, a Matador. "Talvez façamos algo na festa [de aniversário da gravadora]. O problema é conseguir que cada um deixe de lado o que está fazendo, mas acho que a vontade de se juntar é muito maior", afirmou. O vocalista Stephen Malkmus não está tão otimista - para ele, o grupo poderia voltar aos palcos "daqui uns dez anos", para poucos shows.