Rainha da Inglaterra retira condecoração de Comendador de Harvey Weinstein

O cineasta foi condenado a 23 anos de prisão por estupro e abuso sexual

Redação Publicado em 18/09/2020, às 17h43

None
Harvey Weinstein (Foto: Chris Pizzello / Invision / AP)

Harvey Weinstein foi destituído da condecoração honorífica de Comendador pela Rainha da Inglaterra, após ser condenado por estupro em terceiro grau e abuso sexual em primeiro grau. As informações são da NME.

+++LEIA MAIS: Harvey Weinstein é condenado a 23 anos de prisão por estupro e abuso sexual

O cineasta recebeu o título de Comendador em 2004 em reconhecimento às contribuições dele para a indústria cinematográfica britânica. No entanto, agora, a Rainha da Inglaterra retirou o título dele. 

Um aviso no The Gazette, via NME, - registro público oficial do Reino Unido - diz: "A Rainha determinou que a nomeação de Harvey Weinstein de Comendador para a Excelentíssima Ordem do Império Britânico, datada de 19 de janeiro de 2004, será cancelada e anulada, e seu nome será apagado do Registro da referida Ordem."

+++ LEIA MAIS: Kate Beckinsale revela que foi ‘psicologicamente torturada’ por Harvey Weinstein

A Excelentíssima Ordem do Império Britânico é uma ordem, estabelecida em 1917, de cavalaria britânica que busca gratificar e reconhecer contribuições para as artes e ciências, trabalhos com organizações de caridade e assistência social, e serviço público fora do Serviço Civil.

A remoção do título de Weinstein é exigida desde 2017, quando as alegações de má conduta sexual foram feitas contra ele por 80 mulheres. O cineasta foi condenado a 23 anos de prisão em março durante uma audiência no Tribunal Criminal de Manhattan.

+++LEIA MAIS: Acusado de abusar de 80 mulheres, Harvey Weinstein se acha feminista por ter inserido mulheres no cinema


+++ JOÃO GORDO: 'O QUE ESTÁ ACONTECENDO HOJE NO BRASIL É COMPLETAMENTE SURREAL' | ROLLING STONE