Rancho de Michael Jackson está à venda com preço drasticamente reduzido

A propriedade sofreu uma desvalorização de US$ 70 milhões

Rolling Stone EUA Publicado em 28/02/2019, às 10h50

None
Rancho Neverland (Foto:Stewart Cook/REX/Shutterstock)

A primeira vez em que foi colocado à venda, em 2015, o rancho Neverland, idealizado pelo cantor Michael Jackson, recebeu um valor estimado de US$ 100 milhões. Após um tempo fora, a propriedade está de volta no mercado, e com o valor drasticamente reduzido: US$ 31 milhões, de acordo com o Wall Street Journal.

Vender o local não tem sido uma tarefa muito fácil para os responsáveis pelo patrimônio do cantor. Em 2017, o preço já havia caído para US$ 67 milhões, e agora atingiu menos que a metade desse valor, e ganhou um novo nome: Sycamore Valley Ranch.

Jackson comprou a casa em 1987, e morou lá por mais de 15 anos.

A queda brutal do valor é possivelmente resultado do documentário Leaving Neverland, produzido pelo canal HBO, e que será transmitido em duas partes nos dias 3 e 4 de março. No filme, dois homens alegam terem sido vítimas de abusos sexuais no rancho em questão, durante suas estadias na companhia do cantor. 

O  canal BBC anunciou na última quarta, 27, o lançamento de um novo documentário sobre Michael Jackson, com o objetivo de apresentar para o público um contraponto às denúncias feitas pela outra produção.

Michael Jackson: The Rise and Fall deve estrear mais para o fim do ano, e, ao invés de focar apenas nas acusações, como faz seu polêmico concorrente, busca analisar toda a vida do popstar: desde sua infância na cidade norte-americana de Gary até os últimos dias de preparo para os shows da turnê This Is It, que nunca aconteceram.