Rapper Zudizilla ensina que persistência é a chave para o sucesso no novo clipe de ‘Sem Distração’; assista

A faixa integra o disco Zulu, Vol .1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Deixar o Chão

Lorena Reis Publicado em 20/11/2019, às 11h00

None
Zudizilla (Foto: Filipa Aurélio / Divulgação)

Mesmo com todos os obstáculos impostos pela vida, Zudizilla mostra que persistência é a chave para o sucesso no novo clipe de "Sem Distração", lançado nesta quarta, 20, data do Dia da Consciência Negra. 

"Perpetuando Malcolm X e [Martin] Luther King", canta o rapper de Pelotas, no Rio Grande do Sul, há um ano em São Paulo.

Com a participação de Manoela Fortuna, a faixa integra o disco Zulu, Vol.1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Deixar o Chão, lançado em setembro e disponível em todas as plataformas digitais. Nele, Zudizilla expõe a própria fragilidade e imprime um retrato do homem negro do sul como parte de um debate racial no Brasil.

"Sem Distração" discorre sobre as dificuldades que podem vir a aparecer, mas ensina que nada é maior do que os nossos sonhos. "Leve o tempo que for preciso, eu serei paciente, sem nenhum problema / Ansioso também, mas esse é só um de meus grandes problemas", ele rima.

Gravado na África do Sul sob a direção de Marcelo Alves, o vídeo acompanha a rotina de um jovem chamado André, que, segundo o diretor, "treina muay thai e sonha em ser dançarino profissional, mas ainda está com o destino em aberto."

"André representa a força de vontade de quem se propõe a fazer algo grandioso", conta Zudizilla. "É a representação do processo de persistência no tortuoso trajeto até o objetivo principal."

Com produção executiva do DJ Nyack, Zulu, Vol.1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Deixar o Chão conta a história de "um personagem transversal a todos os diaspóricos" e fala sobre "o quão dividida se torna a personalidade de quem não se encontra no ambiente a sua volta."

Assista ao clipe abaixo: