"Recusei convite para participar do disco do Gorillaz", diz John Lydon

Frontman do Sex Pistols e do Public Image Ltd.criticou a produção de discos comerciais, em entrevista a jornal britânico, se referindo ao álbum Plastic Beach; também sobraram ofensas para o U2

Da redação Publicado em 14/07/2010, às 11h13

John Lydon está preparando novas músicas com o Public Image Limited
Reprodução/Site oficial

Damon Albarn queria que John Lydon, vocalista do Public Image Ltd. e do Sex Pistols, participasse do disco Plastic Beach, lançado em março, que conta com gente como Lou Reed, Mark E. Smith, Snoop Dogg, integrantes do The Clash, entre outros. A revelação foi feita pelo ícone do punk em entrevista ao jornal britânico Daily Star.

"Eles me convidaram, mas eu recusei. Eu não quero trabalhar superficialmente em outro espaço genético", disse John. "Eu já trabalhei com tanta gente famosa durante os anos, mas nunca foi por uma motivação financeira. Se eu tivesse feito isso, não seria por meio de uma ligação, seguida de um acordo entre empresários, para então fazer um álbum fabricado e comercial, como a maioria das marcas populares fazem."

Atualmente, John está preparando novas músicas com o Public Image Ltd., que começará uma turnê, na próxima semana, de seis datas no Reino Unido. De acordo com o Daily Star, a volta do grupo aos palcos (o PiL havia acabado nos anos 90) tem sido um grande sucesso, mas John fica incomodado pelo fato de festivais britânicos não os convidarem para tocar. "Não tivemos nenhuma oferta. Eles foram meio negativos, o que nos surpreendeu, porque somos a banda perfeita para um festival. Você não quer o U2 - que é uma banda que nunca deveria ter existido -, não há nenhuma experiência de vida em qualquer uma de suas músicas", alfinetou.