Rei da Tailândia é comparado a vilão de Harry Potter em protestos; entenda

Protestos acontecem com o intuito de "proteger a democracia contra 'Você-Sabe-Quem'"

Redação Publicado em 06/08/2020, às 10h49

None
Ralph Fiennes em Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 1 (Foto: Reprodução/Warner Bros.)

Durante protestos feitos na última segunda, 6, por estudantes da Tailândia, que exigiam reformas na monarquia do país, compararam o rei Maha Vajiralongkorn Bodindradebayavarangkun, governante da nação desde 2016, com Voldemort. A indormação é do Aventuras na História.

Porém, como existe uma lei na Tailândia que prevê uma pena de três a 15 anos de prisão para quem insultar ou ameaçar a monarquia. Então, os manifestantes encontraram um jeito bastante criativo para realizar o protesto. Eles se vestiram como personagens de Harry Potter, além de referenciar o rei como o vilão.

+++LEIA MAIS: 'Muito Black Mirror'?: Por que temos tanto medo de até onde a tecnologia pode chegar? [ANÁLISE]

Manifestantes da Tailândia (Divulgação/ Facebook/ StringerBase)

 

Como informado pelo site, de acordo com os manifestantes, essa escolha foi tomada com o intuito de "proteger a democracia contra 'Você-Sabe-Quem'", em referência a um dos nomes pelo qual Voldemort é conhecido.

Essa "temática" deu certo, porque a polícia não impediu a manifestação em nenhum momento. Na última quarta, 5, o premiê Prayuth Chan-ocha fez uma pedido para que os manifestantes "não criem caos".

+++LEIA MAIS: 8 coisas que você não sabia que aconteceram com Luke Skywalker entre Star Wars: Uma Nova Esperança e Império Contra-Ataca


+++RAP, FUNK E PAGODE NA ENTREVISTA COM OROCHI: 'SOU ESSA MISTURA LOUCA' 


+++ PLAYLIST COM CLÁSSICOS DO ROCK PARA QUEM AMA TRILHAS SOBRE DUAS RODAS