Relembre como foi o último show do Led Zeppelin com John Bonham, há 34 anos

Ouça abaixo o áudio completo da apresentação, que aconteceu no dia 7 de julho de 1980, em Berlim, na Alemanha

ANDY GREENE Publicado em 06/07/2014, às 10h19

Galeria Led Zeppelin 07 - John Bonham
AP

No do ano de 1980, o Led Zeppelin sabia que teria que fazer algumas sérias mudanças para evitar ser taxado como um dinossauro de um passado distante do rock and roll. A chegada do punk e da new wave fizeram os espetáculos em estádios que eles inventaram parecerem clichês pomposos. Então, quando a banda concordou em fazer uma excursão de 14 datas pela Europa entre junho e julho, decidiram que era a época de ir direto ao assunto. Ouça abaixo o áudio da última apresentação do grupo, evento que completa 34 anos nesta segunda, 7.

“É muito importante lembrar as pessoas de que o Led Zeppelin era uma banda boa pra caralho”, diz Jimmy Page.

Ao longo da década anterior, diversas partes do show do Led Zeppelin tinham se tornado altamente ritualizadas, do épico solo de bateria de John Bonham em “Moby Dick”, passando pelo violino teatral em “Dazed and Confused” e os teclados etéreos de John Paul Jones em “No Quarter”. Para a turnê de 1980, essas três partes do show foram retiradas. Eles, contudo, não conseguiam nem imaginar fazer um show sem faixas obrigatórias como “Stairway To Heaven”, “Kashmir” e “Whole Lotta Love”, então, todas elas permaneceram no setlist.

Robert Plant: vídeos marcantes.

O palco também foi radicalmente reformado, sendo que os lasers, bombas de fumaça e telões gigantes das turnês recentes foram abolidos. A banda até cortou os cabelos e vestiu roupas menos chamativas, usando, ocasionalmente, gravatas skinny da new wave. A MTV ainda estava a um ano de seu nascimento, mas era evidente que uma mudança musical substancial estava acontecendo - e o Led Zeppelin estava determinado a encontrar uma maneira de sobreviver.

Edição 76: Entrevista RS – Jimmy Page.

Muitos dos shows da turnê foram gravados, mas nada profissionalmente. O único registro que restou foi feito por amadores com câmeras Super 8. Abaixo está um áudio do último show do grupo com a formação original, gravado em 7 de julho de 1980 em Berlim, na Alemanha. Eles iniciaram a apresentação com “Train Kept A-Rollin'” e encerraram com “Whole Lotta Love”, o single de 1969 que fez a banda despontar.

Os 10 maiores álbuns duplos de todos os tempos, segundo os leitores da Rolling Stone EUA.

Cerca de duas semanas antes do último show, em uma apresentação em Nuremberg, na Alemanha, Bonham apagou após três músicas e o show foi encerrado. O resto da turnê seguiu sem incidentes, mas o alcoolismo do baterista estava ficando fora de controle. Ele morreu em 25 de setembro de 1980, depois de beber aproximadamente 40 doses de vodca em uma mesma noite.

As dez maiores lendas do Led Zeppelin: verdades e mentiras.

Quando Bonham morreu, o Led Zeppelin já havia colocado ingressos à venda para uma turnê norte-americana no segundo semestre daquele ano. Havia rumores de que continuariam com um novo baterista (como The Who fez após a morte de Keith Moon, dois anos antes), mas eles foram desmentidos quando, em dezembro, a banda anunciou que estava se separando.

É impossível saber por quanto tempo o Led Zeppelin teria durado se Bonham tivesse sobrevivido, mas a turnê de 1980 deixou bem claro que eles não estavam exatamente prontos para chegar ao fim.