Rick and Morty critica machistas do mundo nerd durante novo episódio

Em episódio que estão em um festival geek, Rick comenta sobre como algumas pessoas vivem na base do ódio infundado

Redação Publicado em 02/12/2019, às 14h59

None
Rick and Morty (Foto:Divulgação)

Sempre irônica, a série do Adult Swim Rick and Morty resolveu tirar sarro de um aspecto recorrente da comunidade geek: homens machistas e pessoas cheias de ódio infundado contra outras pessoas.

No episódio One Crew Over the Crewcoo’s Morty, temporada 4, os dois personagens que dão nome à série visitam uma convenção do mundo geek, batizada Heist Convention - é uma piada em forma de paródia de encontros como a Comic-Con. 

+++ LEIA MAIS: Funko Pop lançou jogos de tabuleiro adoráveis de Harry Potter, DC e Rick and Morty; veja

Enquanto está por lá, Rick e Morty querem ver o famoso Miles Knightly - que assaltou Rick. O cientista diz a Morty que o único motivo de Knightly ser famoso são os fãs que ficam alimentando o ego deles - e que esses admiradores, a maioria homens, chegaram a atacá-lo na internet. 

É uma piada que relembra o preconceito que Kelly Marie Tran, a Rose, de Star Wars, sofreu na internet pela mão de alguns fãs sexistas e machistas da saga.

+++ LEIA MAIS: Criadores de Rick and Morty revelam planos para nova temporada 

No fim dos eventos, Rick cria um robô para invadir e controlar os pensamentos desses fãs raivosos, que acabam atacando a si mesmo e ao ídolo. A conclusão é que essas pessoas agiam de acordo com o ódio irracional, e não pela admiração. 

 +++ TRÊS DICAS PARA NÃO SER UM 'SACO DE VACILO', POR HOT E OREIA