Robert Downey Jr. está renegociando o contrato para voltar a viver o Homem de Ferro nos cinemas

Astro, que recebeu US$ 50 milhões para participar de Os Vingadores, diz que franquia o fez se sentir “como um Beatle”

Redação Publicado em 01/05/2013, às 13h23 - Atualizado às 16h58

Homem de Ferro 3
Divulgação

Robert Downey Jr. participou do talk show norte-americano The Daily Show para promover a terceira parte da franquia cinematográfica Homem de Ferro. E, durante o papo com o apresentador Jon Stewart, ele revelou que atualmente está em um processo de negociação com a Marvel e a Disney, para saber se voltará ou não ao papel de Tony Stark, o multimilionário filantropo que se torna um super-herói.

Resenha: em meio a furos no roteiro, Homem de Ferro 3 explora as fraquezas do homem por trás da armadura.

Questionado se continuaria na franquia, Downey Jr. despistou. “Eu não sei”, disse o astro. “Eu tinha um contrato longo com eles e, agora, nós vamos renegociar”, completou.

O ator, que iniciou a cinessérie em 2008, revigorou a própria carreira e ganhou um polpudo cheque de US$ 50 milhões para participar de Os Vingadores, grande blockbuster que quebrou recordes de bilheteria no ano passado.

Contudo, Homem de Ferro 3 superou a estreia do filme com a equipe de super-heróis. Foram US$ 195,3 milhões arrecadados nos 42 países em que já estreou, enquanto Os Vingadores rendeu US$185 milhões nos primeiros dias.

Curiosamente, o filme só chega nesta sexta-feira, 3, aos cinemas norte-americanos. No Brasil, a estreia aconteceu na última sexta-feira, 25 de abril. O longa-metragem também chegou a outros grandes mercados, como Rússia, China e Alemanha.

Ainda no talk-show, Downey Jr. falou sobre o fanatismo dos fãs do herói e sobre como ele foi recebido durante as ações promocionais do filme. “Os fãs dessa franquia são muito artísticos. Eles me dão capacetes pintados, algumas vezes eles choram”, disse o ator. “Você sabe, tenho 48 anos, e eu me sinto como um Beatle.”