Pulse

Rock in Rio 2015: Mötley Crüe usa fórmula de sucesso no último show no Brasil

Lendas do glam rock encerram no último dia deste ano a turnê derradeira

Redação Publicado em 19/09/2015, às 23h39 - Atualizado em 20/09/2015, às 01h58

Mötley Crüe no segundo dia de Rock in Rio 2015

Ver Galeria
(3 imagens)

Após 35 anos de muito sucesso, uma das mais clássicas e controversas bandas do rock and roll, o Mötley Crüe, fez sua segunda apresentação no Brasil neste sábado, 19, no Rock in Rio. E também a última, já que o grupo realiza até o final de 2015 a turnê de despedida, com direito a contrato impedindo que eles coloquem o pé na estrada juntos novamente. O espetáculo final acontecerá em 31 de dezembro, em Los Angeles.

Tommy Lee e Nikki Sixx estão na nossa lista de 15 prisões mais estúpidas do mundo da música.

Nessa ocasião especialíssima, o grupo glam quase não quis saber de inovar. O vocalista Vince Neil, o guitarrista Mick Mars, o baterista Tommy Lee e o baixista Nikki Sixx repetiram mais ou menos o mesmo repertório tocado em suas recentes apresentações.

Rock in Rio 2015: Queen retorna após 30 anos ao festival; saiba como foi o primeiro dia.

Dançarinas em trajes mínimos ajudaram Neil com tímidas participações vocais e também sensualizando com o cantor já na primeira música do espetáculo, o sucesso “Girls, Girls, Girls”. “Wild Side” e “Primal Scream” vieram em seguida em uma viagem pelos anos 1980 e 1990.

Rock in Rio 2015: Korn faz alegria de fãs das antigas tocando clássicos da banda.

A cover de “Anarchy in the U.K”, do Sex Pistols, foi tocada, Sixx soltou fogo de seu baixo, dando uma pitada de pirotecnia à noite, e Mars exibiu acordes de guitarra para o gigantesco público na Cidade do Rock. Tudo dentro do roteiro. “Dr. Feelgood” e “Kickstart My Heart” pareciam ter encerrado o show de nostalgia quando o Mötley Crüe voltou com Lee ao piano para a sentimental “Home Sweet Home”.

Rock in Rio 2015: Ministry mistura loucura com críticas ferozes aos Estados Unidos.

Esta será, seguramente, a última turnê dos norte-americanos, mas eles não descartam gravar juntos mais adiante. O último disco da banda, Saints of Los Angeles — cuja faixa homônima foi tocada neste sábado, 19 —, é de 2008. Uma cinebiografia contando as peripécias dos roqueiros será rodada em breve.

Depois deles, o Metallica é a única atração restante do segundo da do Rock in Rio. Eles, que já são "habitué" do festival, tocam a partir das 00h15.