Rock in Rio 2015: Queens of the Stone Age ao festival volta sem nudez e faz show impecável

Banda de Josh Homme esteve no evento carioca em 2001 e causou polêmica

Redação Publicado em 24/09/2015, às 23h33 - Atualizado em 25/09/2015, às 01h47

Queens of the Stone Age no Rock in Rio 2015

Ver Galeria
(2 imagens)

O Queens of the Stone Age esteve no Rock in Rio em 2001 e não deixou lembranças exatamente pela música. Em uma noite de atrações do heavy metal, o grupo de Josh Homme não agradou a plateia e ainda virou caso de polícia com a performance do baixista Nick Oliveri, que ficou nu durante todo o show.

Rock in Rio 2015: Johnny Depp e Alice Cooper comandam Hollywood Vampires em show que fez uma ode ao rock.

Mas não é justo julgar a banda norte-americana por fatores externos ao som feito por eles. O líder Homme voltou com seus novos companheiros ao festival nesta quinta-feira, 24, e, desta vez, foi ovacionado por um espetáculo tecnicamente perfeito, como aconteceu em 2014 e 2013, quando também esteve no país.

Rock in Rio 2015: após 14 anos, Deftones retorna ao festival com guitarras violentas.

Sem tempo para conversa e gracinhas, o QOTSA privilegiou as faixas do mais recente disco deles, …Like Clockwork: “My God is the Sun”, “Smoot Sailing”, “I Sat by the Ocean”, “The Vampyre of Time and Memory” (com Homme ao piano), "If I Had a Tail” e ”Fairweather Friends” foram ouvidas.

Rock in Rio 2015: CPM 22 distribui sucessos dos 20 anos de estrada da banda.

O consagrado Songs for the Deaf (2002) ainda foi lembrado com “Millionaire”, a clássica “No One Knows”, “Go With the Flow” e “A Song of the Dead”. E houve espaço para “Burn the Witch”, “In my Head”, “Little Sister”, de Lullabies to Paralyze (2005), “Regular John”, do disco homônimo Queens of the Stage (1998), e “Sick Sick Sick”, de Era Vulgaris (2007).

Depois do QOTSA, o System of a Down fecha o quarto dia de Rock in Rio a partir das 00h15.