Rock in Rio 2017: Scalene fez show de qualidade representando o novo rock nacional

Além de sucessos da carreira, como “Surreal” e “Sublimação”, o grupo apresentou várias músicas do disco mais recente, Magnetite

Anna Mota, do Rio de Janeiro Publicado em 21/09/2017, às 20h28 - Atualizado às 21h33

Scalene no Rock in Rio 2017
Willmore Oliveira/I Hate Flash/Divulgação

Depois de o Palco Mundo ser aberto por Ivete Sangalo, Skank e Frejat, no fim de semana passado, foi a vez da banda Scalene assumir a missão. Os primeiros a, por causa da pouca idade, não terem hits que atravessaram gerações. Isso poderia ser motivo para o grupo comandado por Gustavo Bertoni optar por um medley de covers para segurar o público, mas o que aconteceu foi o contrário.

Além de sucessos da carreira, como “Surreal” e “Sublimação”, o grupo apresentou várias músicas do disco mais recente, Magnetite, lançado no último mês de julho, sendo “Cartão Postal” uma das mais aplaudidas. No palco, o clima era de gratidão e até descrença: “Caralho, é muita gente”, soltou o vocalista, em meio a sorrisos.

Acompanhe a cobertura do Rock in Rio pelas nossas redes sociais: estamos no Twitter (@rollingstonebr), Facebook (/rollingstonebrasil) e no Instagram (@rollingstonebrasil), com fotos e stories dos melhores momentos dos shows.