Roger Taylor aponta detalhes errados em Bohemian Rhapsody

Após o enorme sucesso da cinebiografia, o baterista do Queen decidiu apontar algumas coisas com as quais não ficou satisfeito

Redação Publicado em 05/06/2019, às 09h08

None
Roger Taylor (Foto Steve Marcus / Las Vegas Sun / AP)

Bohemian Rhapsody foi, por bem ou por mal, um marco na história das cinebiografias. Ao mesmo tempos que fez um sucesso estrondoso, o filme foi acusado de mostrar um Freddie Mercury muito mais romantizado do que realmente foi. 

Agora, depois dos US$ 900 milhões acumulados, o baterista Roger Taylor resolveu apontar alguns detalhes que o filme realmente errou da história do Queen e do seu lendário vocalista.

+++Muito melhor que Bohemian Rhapsody, Rocketman não vai trazer novos fãs para Elton John

O músico contou que, apesar de ter dito anteriormente que não se importava com mudanças nos fatos cronológicos para favorecer a narrativa, se incomoda com alguns fatos pontuais que não foram tratados da forma correta, como por exemplo a forma como o ator Joe Mazello recriou o sotaque do baixista John Deacon.

"Ficou um pouco chique demais. Ele era de Leicester, e tinha um sotaque do norte", afirmou.

E sobre assistir a atuação de Ben Hardy, que o interpretou em Bohemian Rhapsody, Taylor disse que foi "inquietante". Apesar de elogiar a performance do ator, apontou os detalhes com os quais ficou insatisfeito sobre sua representação:

"Ben fez um trabalho incrível. Se eu fosse criticar alguma coisa, seria que eu nunca usaria algumas daquelas roupas que colocaram nele", e acrescentou também que "também não certaram muito no meu cabelo".

+++ De Zeca Pagodinho a Kendrick Lamar, Djonga escolhe os melhores de todos os tempos