Rolling Stones recebem segurança com “rigor militar” após assassinato de funcionário na Argentina

Homem que trabalhou nos shows da banda em Buenos Aires foi morto por assaltantes; integrantes estão viajando separadamente e com segurança integral

Redação Publicado em 15/02/2016, às 15h38 - Atualizado às 15h57

Rolling Stones na América Latina

Ver Galeria
(3 imagens)

Os integrantes dos Rolling Stones estão recebendo segurança com “rigor militar” e 24h por dia, após o assassinato de um homem que trabalhou nos shows da banda na Argentina. As informações são do site do jornal Metro britânico.

Os Rolling Stones farão alguns dos shows mais aguardados no Brasil em 2016.

Empregado do grupo nas três apresentações em Buenos Aires (que aconteceram nos últimos dias 7, 10 e 13), Pedro Luis Tabares tinha 55 anos e foi morto por assaltantes. Ele estava em uma van que carregava dinheiro arrecadado com vendas de bebidas nos shows e foi baleado pelos ladrões – que abordaram a van em outros três carros.

A polícia argentina acredita que o ataque foi premeditado e teve ajuda de algum integrante da produção dos shows, uma vez que os assaltantes sabiam os cronogramas e rotas das vans com dinheiro. Até então, um colombiano de 31 anos de idade, conhecido como Jhon Alexander Bobadilla Vega, foi preso.

Conheça os shows de abertura da perna brasileira da turnê dos Stones.

Após a morte de Luis Tabares, os Rolling Stones reforçaram a segurança e estão sendo vigiados integralmente por uma equipe armada. Os quatro componentes da formação principal do grupo, Mick Jagger, Keith Richards, Ronnie Wood e Charlie Watts, estão sendo transportados separadamente pela América do Sul.

Após tocar três vezes na Argentina, os Rolling Stones seguem agora para Montevidéu, no Uruguai, onde sobem ao palco do Estádio Centenário na próxima terça, 16. A banda britânica deu início à extensão latino-americana da Olé Tour 2016 no último dia 2 de fevereiro, em Santiago, no Chile. Na ocasião, a faixa “She's a Rainbow” – raridade do psicodélico disco Their Satanic Majesties Request (1967) – foi escolhida pelo público chileno no Twitter e apresentada pelo grupo pela primeira vez desde 1998.

Toalhas pretas, champanhe e frutas: veja a lista de exigências para o camarim dos Rolling Stones

Foi a primeira vez em 20 anos que a banda subiu ao palco em Santiago. Depois de passar por Buenos Aires e Montevidéu, os Stones ainda tocarão em Lima, Bogotá e Cidade do México. No Brasil, os ingleses chegam ao Rio de Janeiro no próximo dia 20, seguindo depois para São Paulo (dias 24 e 27 no Estádio do Morumbi) e Porto Alegre (onde encerram a excursão brasileira, em 2 de março, no Estádio Beira-Rio).

Rolling Stones – Olé Tour 2016

Rio de Janeiro

20 de fevereiro (sábado), às 21h30

Estádio do Maracanã - Rua Professor Eurico Rabelo

R$ 260 a R$ 900

Informações: www.ticketsforfun.com.br e http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv

São Paulo

24 (quarta) e 27 de fevereiro (sábado), às 21h

Estádio do Morumbi - Praça Roberto Gomes Pedrosa, 1

R$ 260 a R$ 900

Informações: www.ticketsforfun.com.br e http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv

Porto Alegre

2 de março (quarta), às 21h

Estádio Beira-Rio - Av. Padre Cacique, 891

R$ 350 a R$ 900

Informações: www.ticketsforfun.com.br e http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv