Rolling Stones troca de gravadora

Para lançar trilha sonora do documentário Shine a Light, Mick Jagger e sua trupe vão para a Universal

Da redação Publicado em 17/01/2008, às 14h36 - Atualizado às 14h44

A EMI acaba de perder a "maior banda do mundo" para concorrente
AP

O Coldplay ameaça deixar a EMI a qualquer momento. O The Verve não sabe se deve entregar seu disco para a mesma gravadora, mas o selo britânico se chacoalhou mesmo nesta quinta-feira, 17, com a notícia de que os Rolling Stones estão o abandonando. E nada de disco de graça na internet ou selo independente. A banda de Mick Jagger já está de malas prontas para desembarcar na Universal Music, onde lança a trilha sonora do documentário Shine a Light, de Martin Scorcese.

O Rolling Stones é mais uma entre as banda que tiveram problemas com a nova gestão da EMI, adquirida pela Terra Firma em 2007. Os recentes anúncios de demissão de mais de 2 mil funcionários e de entrada de capital externo por meio de patrocínio para facilitar a produção de discos desagradaram os dinossauros do rock, que têm contrato com a gravadora até maio.

De acordo com o jornal britânico Times, o contrato dos Rolling Stones com a Universal cobre apenas o lançamento da trilha sonora de Shine a Light, mas que o grupo já buscava opções de novas gravadoras para não renovar com a EMI. O disco será lançado lá fora em março.