Sansa Stark é responsável por 2 mortes dos Stark (e não uma) em Game of Thrones? Entenda

No caminho para o topo, a personagem de Sophie Turner acabou pisando na própria família

Redação Publicado em 14/02/2020, às 16h13

None
Sophie Turner como Sansa Stark em Game of Thrones (Foto: Reprodução)

O destino insano de alguns personagens de Game of Thronesimpressionou muita gente. O surto genocida de Daenerys, por exemplo. Ou a ascensão ao trono de Sansa no reino do norte - e o mar de sangue fraterno do caminho. 

A filha mais velha da família Stark foi, de certo modo, responsável pela morte de dois de seus familiares, e não apenas do pai, Ned Stark, na primeira temporada. Vale ressaltar, porém, que nenhuma foi ação direta.

+++ LEIA MAIS: Kit Harington usou 'técnica de cheirar peido' de Joey de Friends em Game of Thrones

A começar por Ned. A obsessão de Sansa em ser uma noiva, uma esposa, uma princesa e futura rainha levou à traição do pai, à decapitação dele e a fuga dos seus irmãos. Ela era apenas uma criança - e a exposição da cabeça num espeto ajudou-a a fugir do estupor utópico. Mesmo assim, ela nunca poderia ter o pai de volta. 

Porém um destino pior veio para uma das crianças Stark e irmão mais novo de Sansa: Rickon, um dos bastardos de Ned. Morreu diretamente pelas ações impensadas e potencialmente egoístas da Stark.

+++ LEIA MAIS: Jon Snow será ressuscitado de forma diferente nos livros de Game of Thrones; Entenda a teoria

O menino sempre foi um personagem secundário em Game of Thrones. Na primeira temporada, fugiu de Westeros ao lado de Bran, Hodor e Osha, a selvagem, em direção ao Norte e Jon Snow. O menino e a mulher, porém, vão para outro caminho - em direção ao castelo dos Umber.

Rickon volta, depois, apenas na sexta temporada. Morava no castelo com Osha, protegidos por Lorde Greatjon Umber, até o nobre ser assassinado. Então, a dupla é entregue a Ramsay Bolton - e o menino vira seu prisioneiro - e barganha.

+++ LEIA MAIS: Quanto dinheiro Game of Thrones rendeu para a HBO?

Com Rickon nos calabouços, Bolton envia uma carta a Jon Snow. Exige Sansade volta para sua “posse” (ela era a esposa forçada, mas fugiu). Se não, o menino morreria. 

Em estado de guerra, os Starks e Bolton travam a Batalha dos Bastardos. Em dado momento, Bolton permite que Rickon corra de seu front até o exército de Jon Snow - mas acaba assassinando o garoto com uma flechada no peito.

+++ LEIA MAIS: Fãs descobrem erro de roteiro na relação entre Arya e Criança Abandonada em Game of Thrones

Apesar da carnificina, tudo ainda termina bem para Sansa. Ela consegue assumir o trono do reino do norte, algo que sempre quis - e isso não seria possível sem seus irmãos homens mortos, exilados ou, no caso de Bran, governando os seis reinos. 

+++ A MALDIÇÃO DO CORINGA, COM JOAQUIN PHOENIX, HEATH LEDGER, JACK NICHOLSON E MAIS: