Scorsese recebe presente de Natal embalado com papel de heróis depois de xingar Vingadores

A filha do diretor, Francesca Scorsese, compartilhou o registro nas redes sociais

Redação Publicado em 26/12/2019, às 20h00

None
Martin Scorsese (Foto: Evan Agostini/Invision/AP)

O Natal teve um clima de brincadeira na família de Martin Scorsese. Após declarações polêmicas relacionadas à Marvel, a filha do diretor, Francesca Scorsese, embrulhou os presente dele em um papel com a temática dos Vingadores.

A atriz postou no Instagram uma foto com o papel estampado com heróis da Marvel, como Capitão América e Hulk. Veja:

Vale lembrar que o diretor teceu críticas aos filmes de super-herói, principalmente os do Universo Cinematográfico Marvel. Em uma coletiva de imprensa em outubro, o Scorsese disse que esse tipo longa faz “cinemas se tornarem parques de diversão.”

“Essa é uma experiência diferente”, explicou a comparação. “Não é cinema, é outra coisa, nós não devemos deixar isso nos invadir, é um problema muito grande, e precisamos que os donos de cinema se imponham para permitir a exibição de filmes que são obras narrativas."

+++Leia mais: Robert Downey Jr não quis ser indicado pela Marvel ao Oscar por Vingadores: Ultimato

Vários nomes do MCU já expressaram reações aos comentários de Scorsese publicamente. Robert Downey Jr.,Samuel L.Jackson, Karen Gillan, de Vingadores: Ultimato, disseram estar tristes, e lamentam o julgamento.

O diretor de Guardiões da Galáxia (2014), James Gunn, comparou a crítica do cineasta com outro filme dele, A Última Tentação de Cristo (1988), que foi atacado pelo público antes que as pessoas assistissem.

+++Leia mais: Para Martin Scorsese, a Marvel "não faz cinema" de verdade; entenda

O mais novo filme dirigido por Martin Scorsese é O Irlandês, disponível na Netflix. O filme com Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci é baseado no livro I Heard You Paint Houses (em tradução livre: Eu ouvi dizer que você pinta casas) de Charles Brant.


+++ CORUJA BC1: 'FAÇO MÚSICA PARA SER ATEMPORAL E MATAR A MINHA PRÓPRIA MORTE'