Selena Gomez defende cenas explícitas em 13 Reasons Why: “Vamos falar sobre isso de uma forma honesta e real”

A cantora e produtora da série disse que falar sobre suicídio e violência sexual pode ser “desconfortável”, mas encoraja diálogo

Rolling Stone EUA Publicado em 08/06/2017, às 13h25 - Atualizado às 14h20

Cena da série 13 Reasons Why, da Netflix

Ver Galeria
(2 imagens)

Selena Gomez continua a defender a controversa série da Netflix 13 Reasons Why. Em uma entrevista à rádio norte-americana Z100 na última segunda, 5, ela disse que “o conteúdo é complicado, é obscuro e há momentos que são, sinceramente, muito difíceis de engolir.”

“Eu entendo que nós estávamos entrando em algo que é difícil, mas os jovens hoje em dia estão tão expostos a coisas que eu nunca nem teria compreendido quando eu tinha oito anos de idade. Minha prima dá aula na terceira série e eles estão fazendo coisas e dizendo coisas que eu nem poderia imaginar. Acho que se vamos falar sobre isso, será de uma forma honesta, real e que seja condizente com o livro.”

Quando 13 Reasons Why estreou na Netflix no final de março, a série recebeu algumas críticas positivas, mas gerou preocupação entre pais, conselheiros e administradores escolares pela representação gráfica de suicídio adolescente e de violência sexual.

O drama adolescente é baseado no livro homônimo de Jay Asher, lançado em 2007, e conta a história de Hannah Baker (Katherine Langford), de 17 anos, uma estudante do ensino médio que comete suicídio após sofrer bullying dos amigos e colegas. Hannah deixa para trás 13 fitas cassete endereçadas aos indivíduos que ela diz terem contribuído para a decisão de acabar com a própria vida.

Na entrevista, Selena disse que as reflexões que a série está criando são necessárias, e diz que a produção é bem-sucedida nesse sentido. “Acho que essas coisas são difíceis para as pessoas falarem, mas está acontecendo e eu espero que a porta tenha sido aberta para que as pessoas aceitem o que está acontecendo e façam alguma coisa para mudar isso, e falem sobre isso”, ela disse.

A segunda temporada de 13 Reasons Why foi confirmada no começo de maio e falará sobre o que acontece após a morte de Hannah Baker e “o começo das jornadas complicadas dos personagens em direção à cura e à recuperação”, segundo um comunicado da Netflix.