Sepultura vizinha à de Marilyn Monroe vale US$ 4,6 milhões

Viúva leiloou, via eBay, túmulo do marido para pagar hipoteca de casa

Da redação Publicado em 25/08/2009, às 10h44

Descansar em paz ao lado de Marilyn Monroe tem seu preço: US$ 4,6 milhões. Foi esse o lance vencedor em leilão online, que negociava túmulo ao lado do da atriz, morta em 1962.

A "vaga fúnebre" - localizada no Westwood Village Memorial Park, cemitério em Los Angeles - havia sido ofertada no eBay, com custo mínimo de US$ 500 mil. Em 10 dias (o prazo terminou na segunda), foram 21 lances. Não se sabe quem arrematou a sepultura vizinha à da estrela de Os Homens Preferem as Loiras e Como Agarrar um Milionário. O comprador se identificou, simplesmente, como "O***S".

De acordo com o jornal The Los Angeles Times, o espaço foi a leilão depois que a viúva de Richard Poncher, "vizinho" de Monroe, chegou à conclusão de que precisava levantar dinheiro para pagar a hipoteca de uma residência em Beverly Hills, Los Angeles (preço estimado: US$ 1,6 mi). O jeito, portanto, foi exumar o marido e vender a sepultura.

O anúncio no eBay era direto: "Passe a eternidade diretamente acima de Marilyn Monroe". O túmulo do falecido (morto aos 81, há 23 anos), no caso, se encontrava disposto em cima ao da artista. Ao L. A. Times, a viúva contou que Poncher, empresário com suspeita de ligações à máfia de Chicago, adquiriu o túmulo em 1954, do jogador de baseball Joe DiMaggio (ex-marido de Monroe). O marido teria chegado a brincar: "Se (...) você não me enterrar em frente à Marilyn, te perseguirei pela eternidade".

A vizinhança conta com outras estrelas: Dean Martin, Natalie Wood, Truman Capote e, mais recentemente, Farrah Fawcett, morta em 25 de junho.

Hugh Hefner, criador da revista Playboy, também garantiu seu lugar próximo à estrela. Mas o empresário de 83 anos adquiriu a residência funesta por preço mais em conta: US$ 75 mil, em 1992.