Série britânica Black Mirror ganhará terceira temporada em parceria com a Netflix

Novos 12 episódios da trama de ficção científica já estão sendo produzidos

Rolling Stone EUA Publicado em 25/09/2015, às 15h27 - Atualizado às 15h48

Jon Hamm recebendo o prêmio de Melhor Ator em Série de Drama no Emmy 2015 por Mad Men

Ver Galeria
(2 imagens)

A aclamada série britânica de ficção científica Black Mirror ganhará uma terceira temporada em parceria com a Netflix, revelou a empresa nesta sexta-feira, 25. A produção distópica e de temática tecnológica terá mais 12 episódios.

Keith Richards: Under the Influence: veja o primeiro trailer do documentário.

Charlie Brooker, criador da série, está trabalhando na nova leva de capítulos, que deve começar a ser produzida ainda em 2015. “É tudo muito empolgante, toda uma nova série de episódios na mais apropriada das plataformas”, declarou Brooker em comunicado.

Wagner Moura fala sobre novo filme, a carreira em Hollywood e o futuro distante das novelas.

“A Netflix nos conecta com uma audiência global para que possamos criar histórias maiores, mais estranhas, mais internacionais e mais diversas do que antes, mantendo o toque de Black Mirror”.

A série continuará sendo realizada no Reino Unido e ainda não há uma data de estreia para a terceira temporada. Apesar de a maioria do elenco ser composta por atores britânicos, o norte-americano Jon Hamm (de Mad Men, nas fotos no topo da página) participou de um capítulo especial de Natal em dezembro de 2014, atraindo atenção dos Estados Unidos para a atração.

Narcos: atores da série falam sobre os desafios em reconstruir a história de Pablo Escobar.

Black Mirror voltou a ser notícia devido à coincidência de um episódio piloto em que um primeiro-ministro britânico é obrigado por sequestradores a ter relações sexuais com um porco, ao vivo, na televisão. O atual primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, foi acusado recentemente de ter participado de situação parecida.