Série de Watchmen corrige erro no plano de Ozymandias na HQ de Alan Moore - e faz todo o sentido [SPOILERS]

A série da HBO adapta vários aspectos e conserta furos da HQ original

Redação Publicado em 13/12/2019, às 11h45

None
Jeremy Irons em Watchmen (foto: Reprodução HBO)

O episódio 8 de Watchmen da HBO conectou novamente o grande plano de Adrian Veidt (Jeremy Irons), o Ozymandias, com a história da série. A nova alteração adiciona uma nova camada de genialidade ao estratagema do personagem conhecido como o homem mais inteligente do mundo.

Vale lembrar que a análise a seguir contém spoilers de Watchmen, principalmente do episódio 8.

+++LEIA MAIS: Trent Reznor divulga cover de música clássica de David Bowie para trilha de Watchmen; ouça

Para recapitular, o plano de Ozymandias na graphic novel era usar os conhecimentos em genética mais a tecnologia para teletransporte e forjar uma invasão alienígena em Nova York, com uma lula gigante e com poderes psíquicos que matou 3 milhões de inocentes. 

O medo criado pelo ataque iria então diminuir a tensão de guerra nuclear entre Estados Unidos e União Soviética e a humanidade, agora unida contra os “aliens”, caminharia para uma nova era de paz mundial e utopia. Ufa, a ideia original era mais ou menos essa.

+++ LEIA MAIS: Watchmen apresenta o herói mais bizarro da televisão: o Homem-Lubrificante 

Como Veidt sabia que o Dr. Manhattan tentaria impedir o plano dele, ele inventou uma armadilha com o gerador de campo intrínseco, a mesma máquina que criou o super-herói, para desintegrá-lo. O plano para matar o semideus obviamente não funciona, mas Veidt consegue convencer ele a manter a farsa do ataque alienígena.

Porém, o que a série mostra é que tentar matar o Dr. Manhattan era o Plano B de Ozymandias. O Plano A era transformar ele em um homem normal.

+++LEIA MAIS: Watchmen, Euphoria e mais: 8 séries da HBO melhores que o final de Game of Thrones

Anos depois do final da HQ, mas antes dos eventos do seriado, o Dr. Manhattan visita a fortaleza de Ozymandias no ártico e então o homem mais inteligente do mundo mostra a ele um dispositivo com o mesmo formato da logo do átomo de hidrogênio que jaz na testa do semideus, e diz que aquele aparato é capaz de fritar o cérebro do Dr. Manhattan, e fazer ele perder as memórias.

Sem lembranças de quem é e do que consegue fazer, o  Dr. Manhattan vive com um civil por 10 anos, Cal Abar (Yahya Abdul-Mateen II) e foi casado com Angela Abar(Regina King).

+++LEIA MAIS: Alan Moore, criador de Watchmen, fala sobre o impacto dos super-heróis na cultura popular: "ainda são sonhos de supremacia branca"

O plano de Ozymandias não era matar um deus, e sim transformá-lo em um homem comum, e foi isso que aconteceu no final, por pedido do próprio  Dr. Manhattan.