Shows de Rihanna no Brasil foram cancelados

Empresa que fechou contrato com produtora brasileira não tem nenhum tipo de relação com a cantora; caso está sendo resolvido na Justiça

Da redação Publicado em 21/09/2010, às 17h04

Rihanna não virá mesmo ao Brasil
AP

Os shows de Rihanna no Brasil estão realmente cancelados - depois do anúncio da sua vinda ter sido feito, em agosto, desmentido e então novamente confirmado. O site TMZ noticiou no último sábado, 18, que as apresentações da cantora em novembro não aconteceriam mais e denunciou que a questão toda virou caso de polícia.

De acordo com documentos legais obtidos pelo site, a Unique Sports e Marketing, promotora brasileira que traria Rihanna, havia assinado um contrato de US$ 1,7 milhão para que ela realizasse três shows no Brasil. E mais: já teria sido paga boa parte desse valor, mais de US$ 800 mil. Mas a outra parte que firmou o acordo, a empresa Vegas Style Entertainment, não representa Rihanna ou tem qualquer relação com ela.

No processo, informa o TMZ, a Unique declara que a Vegas Style realizou um esquema fraudulento e pede US$ 4,685 milhões de indenização.

A reportagem da Rolling Stone Brasil tentou entrar em contato com Bruno Balsimelli, diretor da Unique, que havia garantido a este site que os shows aconteceriam e que o contrato havia sido firmado diretamente com Marc Jordan, empresário da cantora. A assessoria de imprensa que representa a empresa informou que ele não está disponível para entrevistas no momento, mas confirmou as informações de que as datas foram canceladas e que a questão está sendo resolvida na Justiça.