Sinéad O'Connor acusa Prince de tentar agredi-la: "Foi uma experiência aterrorizante"

Em entrevista a um programa britânico, a cantora irlandesa revelou casos em que foi atacada pelo músico

Redação Publicado em 17/09/2019, às 17h34

None
Prince no Super Bowl de 2007 (Foto: Ap Photo/ Chris O'meara)

A cantora irlandesa Sinéad O'Connor deu uma entrevista recentemente ao programa de TV Good Morning Britain e relembrou de alguns casos polêmicos que viveu com Prince, contados de uma forma a serem entendidos como uma acusações.

Ela revelou que o músico tentou agredi-la, e não apenas uma vez. "Foi uma experiência aterrorizante. Ele me chamou para ir na casa dele uma noite, e fui burra de ir sozinha. Ele estava desconfortável com o fato de eu não aceitar ser uma das 'protegidas' dele, e eu tinha acabado de gravar a canção", contou.

A faixa em questão, que gerou a revolta de Prince, é "Nothing Compares 2 U", hit de Sinéad lançado em 1990, e escrito pelo cantor.

+++Leia mais: Prince sabia do potencial de Purple Rain: "Estamos fazendo história"

Ela continuou o relato: "Ele me disse para não falar palavrões nas minhas entrevistas. Mandei ele ir para aquele lugar e ele veio para cima de mim. Foi para o andar de cima da casa e pegou um travesseiro com alguma coisa pesada dentro. Saí correndo e me escondi atrás de uma árvore."

Em outro momento, de acordo com a revelação, ele também tentou dar socos nela e, segundo a cantora, ela não foi a única vítima dessa época na qual Prince "usava umas drogas bem pesadas". "Uma das meninas da banda dele foi parar no hospital com as costelas quebradas", acrescentou.

Os representantes do legado de Prince ainda não comentaram sobre as acusações.