Slash revela fundo do poço, vício em álcool e conselho incrível de David Bowie

Guitarrista do Guns N' Roses passava por alucinações quando conversou com Camaleão do Rock

Redação Publicado em 29/07/2020, às 11h42

None
Slash e David Bowie (Foto 1: AP e Foto 2: Matthias Merz/picture-alliance/DPA/AP)

Slash, guitarrista do Guns N’ Roses, relembrou os anos 1980 e os exageros cometidos pelos integrantes da banda em nova entrevista para Kerrang, e contou sobre um conselho que recebeu de David Bowie quando começou a ter alucinações. 

Na época do lançamento de Appetite For Destruction (1987), álbum de estreia do Guns, o guitarrista estava simplesmente “bêbado”, e permaneceu em uma rotina de excessos com álcool, drogas e festas até os anos 2000. “Eu tive o várias experiências em que a maioria das pessoas diria, 'Ok, eu parei com isso', mas não gerou nenhum medo em mim. Continuei no mesmo ritmo”, explicou. “2004 e 2005 foram muito ruins e, finalmente, em 2006, fiquei tipo, ‘Quer saber? Isso não é mais divertido. Você não pode recriar o zumbido inicial que você teve em 1980’. E eu saí devagar e com segurança, mas era muito difícil sair de toda essa dependência”. 

+++ LEIA MAIS: 5 curiosidades sobre Slash: cartola roubada, animais exóticos e lembranças da 'morte'

Quando estava no fundo do poço e começou a ter alucinações por causa das drogas, Slash recebeu um conselho do Camaleão do Rock. “Eu conversei com ele sobre isso, porque era perturbador. E ele disse: 'Não, você provavelmente está em um lugar ruim no momento e se tornou vulnerável a muita interação externa com coisas que as pessoas normalmente não vêem, e você se expôs a isso’”, contou o guitarrista. “E eu fiquei tipo, ‘Nossa! Isso é pesado ... ' Mas esse foi um bom conselho. Ou talvez uma explicação reveladora do estado de espírito em que eu estava”. 


+++ PLAYLIST COM CLÁSSICOS DO ROCK PARA QUEM AMA TRILHAS SOBRE DUAS RODAS