SNL é acusado de apropriação cultural após esquete sobre Geração Z

Programa recebeu diversas críticas após se apropriar da linguagem de negros norte-americanos

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 11/05/2021, às 20h55

None
Esquete sobre Geração Z no SNL (Foto: Reprodução / YouTube)

Com o bilionário Elon Musk como convidado especial, o episódio do Saturday Night Live desta semana foi alvo de críticas na internet após esquete sobre a Geração Z. As informações são do Refinery 29

No quadro, Musk interpretou um médico conversando com um grupo de adolescentes sobre um amigo deles, o qual sofreu um acidente de carro enquanto fazia uma live para o Instagram. No entanto, a problemática gira em torno da linguagem utilizada pelos atores, com elementos do African-American Vernacular English (AAVE), também conhecido como Black English.

+++ LEIA MAIS: O dia em que Kurt Cobain teve overdose de heroína antes de tocar no Saturday Night Live [FLASHBACK]

Durante o esquete, expressões as quais poderiam ser traduzidas como "mano" e "mana" fazem parte do diálogo dos jovens. Apesar de serem comuns na língua portuguesa, no inglês fazem parte do vocabulário dos negros norte-americanos. 

Após o episódio ir ao ar, muitas pessoas se manifestaram na internet criticando o programa por apropriação cultural, pois essa linguagem não surgiu recentemente nas redes sociais, como o quadro dá a entender. Ela faz parte da cultura negra e não deve ser utilizada em piadas feitas por pessoas brancas, pois isso contribui para apagar toda história de luta de um povo.

+++ LEIA MAIS: Em 1993, Mick Jagger fez uma imitação perfeita de Keith Richards para o Saturday Night Live; assista

Em resposta às críticas, o co-roteirista do programa Michael Che publicou uma declaração no Instagram: "Li sobre como o meu esquete 'Geração Z' estava se apropriando indevidamente de AAVE e fiquei atordoado pois que p**ra é 'AAVE'? Tive de pesquisar," escreveu em uma publicação deletada recentemente. 

"Descobri como era um acrônimo para 'inglês vernáculo afro-americano.' Você sabe, AAVE! Aquelas expressões que os verdadeiros negros usam em conversas o tempo todo..." No entanto, Che recebeu ainda mais críticas por defender o programa e o quadro em vez de analisar os danos causados por eles. Por isso, optou por apagar a publicação pouco tempo depois.

+++ LEIA MAIS: Tartarugas Ninja reclamonas e fora de forma atingem a meia-idade em animação do Saturday Night Live; assista


+++ MV BILL: 'A GENTE TEM A PIOR POLÍTICA DE GOVERNO PARA O PIOR MOMENTO' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL