Sonic Youth lança coletânea

Disco é resultado de parceria com rede de cafés dos EUA; faixas foram escolhidas por fãs famosos

Da redação Publicado em 31/05/2008, às 15h55 - Atualizado às 16h05

O Sonic Youth lançou o primeiro álbum da carreira em 1983; coletânea não deve chegar às filiais brasileiras da Starbucks
Reprodução/MySpace

O Sonic Youth se uniu à cadeia de cafés Starbucks para lançar a coletânea Hits are Square. Mas apenas algumas lojas irão vender o CD: o selo Hear Music, que pertence à companhia que comanda a rede, vai distribuir o lançamento a partir de 10 de junho em Nova York, Seattle, Los Angeles, Chicago, São Francisco, Boston, Filadélfia e Washington, além de vendas online. A coletânea não deve chegar às filiais brasileiras.

O lançamento tem catorze faixas - 13 delas escolhidas por fãs famosos e a inédita "Slow Revolution", gravada no ano passado. Cada personalidade, além de escolher sua música preferida, teve de escrever algo sobre a faixa. Eddie Vedder, vocalista do Pearl Jam, escolheu "Teenage Riot" porque "em um carro, você vai se dar conta de estar a 95 por hora e acelerando antes mesmo do primeiro refrão". Diablo Cody (roteirista de Juno), Beck, Flea (do Red Hot Chilli Peppers, banda que está de férias) e o diretor Gus Van Sant (Últimos Dias, Paranoid Park) também participaram da seleção.

Rather Ripped, último disco de inéditas do Sonic Youth, saiu em 2006. A banda tocou no Brasil em 2005.

Veja abaixo a lista de músicas da coletânea.

"Bull in the Heather" (Catherine Keener)

"Sugar Kane" (Beck)

"100%" (Mike D)

"Kool Thing" (Radiohead)

"Disappearer" (Portia De Rossi)

"Superstar" (Diablo Cody)

"Stones" (Allison Anders)

"Tuff Gnarl" (Dave Eggers and Mike Watt)

"Teenage Riot" (Eddie Vedder)

"Shadow of a Doubt" (Michelle Williams)

"Rain on Tin" (Flea)

"Tom Violence" (Gus Van Sant)

"Mary-Christ" (David Cross)

"World Looks Red" (Chloë Sevigny)

"Expressway to Yr Skull" (Flaming Lips)

"Slow Revolution"