Pulse

Stalker de Taylor Swift tirou os sapatos antes de invadir casa da cantora; entenda

Ele já é o terceiro invasor a tentar invadir a mansão da artista neste verão nos EUA e apenas o único a realmente conseguir entrar na residência

Redação Publicado em 05/09/2019, às 17h59

None
Taylor Swift (Foto: Reprodução)

Taylor Swift teve a casa invadida na última sexta, 30, quando um homem entrou na residência dela em Milford, Rhode Island. Richard J. McEwan andou pela mansão e só foi detido após o alarme de movimento soar. Os policiais responsáveis pelo caso revelaram um detalhe peculiar do stalker: ele tirou os sapatos antes de entrar na casa.

Apesar de ter dirigido por quase 322 Km, de New Jersey até o lar da artista deLover, e de ter quebrado uma janela de vidro para conseguir invadir a mansão, Richard J. McEwan avisou à polícia que tirou os sapatos para ser educado. O stalker ainda entrou nos quartos e banheiros da casa antes de ter sido detido pelos agentes.

+++ LEIA MAIS: Taylor Swift empata com Elvis Presley em números de músicas no top 10 da Billboard

McEwan não estava carregando nenhum tipo de arma e não pretendia machucar ninguém, mas o stalker esperava encontrar Taylor Swift na casa para conversar com ela. Ele já é o terceiro invasor a tentar invadir a mansão da artista neste verão nos EUA e apenas o único a realmente conseguir entrar nela.

O stalker foi detido pelos policiais e acusado por invasão a domicílio. Apesar disso, McEwan pagou a fiança de US$ 5,000 e foi liberado.

+++ LEIA MAIS: Taylor swift abre o jogo sobre sexismo na indústria cultural

Taylor Swift enfrentou um histórico de ameaças. Em 2018, Bruce Rowley assaltou um banco e tentou chamar a atenção da artista ao ir até a mansão em Milford e jogar o dinheiro roubado perto da casa. Rowley esperava pedir a mão de Taylor em casamento. Ele foi detido, mas pagou fiança e foi liberado.

No mesmo ano, Julius Sandrock apareceu na frente da casa da cantora em Beverly Hills com máscara, faca, luvas e munições. A artista conseguiu uma ordem de restrição contra ele. Sandrock não poderá chegar perto da cantora por 5 anos.

+++ A playlist da Drik Barbosa - De Emicida a Erykah Badu